31 de julho de 2021
Campo Grande 25º

TRÊS LAGOAS

Juiz condena professor universitário de MS após o educador chamar vereador de "capitão do mato"

Caso aconteceu em 2017 e decisão foi proferida ontem no interior do Estado

A- A+

Um professor universitário foi condenado pelo crime de racismo por chamar um vereador de Três Lagoas, município de Mato Grosso do Sul, de 'capitão do mato'. A situação ocorreu em 2017 e a sentença foi proferida ontem, terça-feira (17), pelo juiz da 2ª Vara Crimina de Três Lagoas, Vinicius Pedrosa Santos.

Segundo a decisão, o professor fez postagem no perfil dele do Facebook: 'Esse senhor é o rei da piada pronta. Um capitão do mato que acredita que a casa grande o recebe bem, porque ele não dorme mais na senzala', referindo-se ao vereador Renée Venâncio (PSD),

O professor foi condenado a três anos de detenção em regime aberto e ao pagamento de multa. Como não tem antecedentes criminais e a pena foi inferior a 4 anos, terá que prestar serviço comunitário a ser definido pelo juízo de Execução Penal.

Na sentença, a sugestão do juiz é que faça "oficinas, palestras, debates e exposições sobre a cultura negra e racismo em escolas da rede municipal de ensino".

*Com informações do G1MS.