26 de setembro de 2020
Campo Grande 37º 24º

BBB 2020

Roda de louvor religioso gera revolta entre brothers

Brothers e sisters promoveram no jardim da casa uma roda de louvor religioso, com a finalidade elogiar os colegas e falar de suas dificuldades na vida

Babu e Thelma se revoltaram com os demais participantes do Big Brother Brasil (BBB20), da Globo, na madrugada desta terça-feira, 28. Isso porque os brothers e sisters promoveram no jardim da casa uma roda de louvor religioso, com a finalidade elogiar os colegas e falar de suas dificuldades na vida. Porém, a atitude dos confinados foi encarada como falta de respeito por parte do ator e da médica.

“Eu sou religiosa, mas não me sinto à vontade de fazer uma roda de oração no meio do negócio, parece forçado. […] Estou achando que me colocaram aqui pra eu ser vilã, aí vai chegar uma hora que eu vou falar que fulana é falsa, que fica produzindo conteúdo. Que façam VT sozinhos”, reclamou Thelma.

Babu concordou e disse estar em desvantagem no jogo após assistir ao culto e perceber que algumas pessoas da casa já se conheciam de fora do confinamento. “Achei desvantagem pra mim colocar gente que já passou até ano novo juntos”, disse ele sem citar nome, entretanto, quem acompanha a vida das famosas desconfia que ele estava se referindo a Mari e Gabi.

Mais tarde, o ator voltou a criticar a postura adversários: “A gente está num jogo, entre bebida, entretenimento. Jogar religiosidade acho falta de respeito com a religião. Eu, para não surtar, lembro que a gente está jogando. R$1,5 milhão cai bem pra todo mundo. Mas o limite do meu desejo é a minha dignidade”.

Thelma disse que se incomodou também com a tentativa de várias sisters de criar VTs para conseguir aprovação do público. “Eu devia ter votado em uma dessas minas, chamando atenção com VT”.

LÁGRIMAS DE CROCODILO?

Victor Hugo é consolado por Gabi durante desabafo no BBB20.  Foto: Reprodução 

A roda de louvor religioso deu pano pra manga na casa mais vigiada do Brasil. Victor Hugo aproveitou o momento entre os colegas para fazer um desabafo. Assexuado, o participante revelou que nunca foi aceito na igreja que costumava frequentar.

“Fui rejeitado, não sou aceito na igreja. Começou com minha irmã que falou que era trans. Vocês estão me dando muito carinho aqui, agradeço demais”, disse Victor Hugo, soluçando de tanto chorar.

Porém, o fato de ele ter derramado poucas lágrimas e a forma como falou sobre o assunto, sem dar muitos detalhes de como tudo aconteceu, abriu margem para que Marcela – que tem um irmão trans – duvidasse da veracidade de seu pranto.

“Já percebi que ele tem uma coisa de ir de um em um com uma história que apele a cada pessoa. Com cada um ele tentou achar algo que funcionasse. Mas ele continuou avulso, daí começou a apelar para coisas tristes. Hoje foi o ápice, não foi verdadeiro aquilo. Eu acredito que a história é verdade, mas o depoimento foi dado com estratégia”, opinou a ginecologista.

A CURA

Gabi se emocionou ao falar sobre depressão em roda de orações no BBB20.  Foto: Reprodução/Globo 

Gabi Martins revelou  que interrompeu o tratamento para depressão antes de entrar no BBB20.

“Ano passado eu tive depressão, tomava remédio para dormir e para viver. Quando eu entrei aqui, não podia [tomar remédios controlados] e pensei vou levar isso como minha cura, Deus vai me ajudar”, declarou ela.