26 de fevereiro de 2021
São Paulo 39º 24º

Campanha

Vereadora participa da campanha “Eu empurro essa causa” que luta por melhorias para os deficientes

A vereadora Enfermeira Cida Amaral (Pros), participou no sábado (16) da campanha “Eu empurro essa causa”. O encontro de mães e pais de crianças com algum tipo de deficiência aconteceu na Praça Radio Clube Campo, com o intuito de sensibilizar as autoridades, sobre o valor do benefício dos deficientes e a conscientizar a  flexibilização das leis.

Conforme os pais responsáveis pelos deficientes, o BPC/LOAS (Beneficio de Prestação Continuada) é a garantia de um salário mínimo por mês as pessoas com deficiência ou pessoa idosa com 65 anos ou mais, que comprovem não possuir meios de se sustentar, nem com a ajuda da família. Porém, eles alegam que os critérios de concessão e manutenção deste benefício que hoje se encontra defasado, nem sempre levam em conta a real situação de milhares de famílias.

De acordo com Grazianny Farias de Resende, uma das coordenadoras da campanha “Eu empurro essa causa”, é necessário que as famílias de deficientes se unam para serem vistos e reconhecidos pelas autoridades. “Hoje em dia no critério atual da lei os responsáveis pelo deficiente têm que comprovar renda que não ultrapasse R$ 249,50 por pessoa da família. E nós buscamos que esse critério de renda seja de três salários mínimos por pessoa” declarou a coordenadora.

A vereadora Cida disse que apóia a causa e que a revisão do benefício e as regras flexibilizadas para quem tem algum tipo deficiência são necessárias para que os deficientes tenham uma qualidade de vida. “Precisamos rever esses benefícios, as regras precisam ser flexíveis para contemplar a todos. Eu apoio essa causa, e vou além, precisamos olhar também para o cuidador, precisamos cuidar de quem cuida” enfatizou a parlamentar.