29 de novembro de 2020
Campo Grande 35º 23º

Prefeito de Maracajú quer aumentar em 40% IPTU

O prefeito de Maracajú, Maurílio Ferreira Azambuja (PMDB) está criando verdadeiro caos no município ao anunciar que pretende aumentar em 40% o valor cobrado de IPTU na cidade. Ao contrário de seus antecessores, que sempre reajustaram a taxa conforme os índices de inflação nacional, Maurílio simplesmente decidiu pular de um reajuste médio de menos de 10% para 40%.A proposta será votada amanhã pelos vereadores de Maracajú e caso seja aprovada o valor reajustado será cobrado a partir de 2014. Maurílio tem enfrentado a rejeição da população desde que assumiu a prefeitura. Sua principal promessa de campanha até hoje não foi cumprida. O prefeito ganhou a eleição ao firmar com a população compromisso de investir e melhorar a saúde pública do município o que não aconteceu. Segundo a população, faltam médicos e remédios nos postos de saúde e o tempo de espera para uma consulta é de, no mínimo, uma hora. A saúde e o IPTU, infelizmente, não são os únicos problemas trazidos pelo prefeito à cidade. Recentemente, ele importou de Ponta Porão o secretário de obras Helio Pelufo que está sendo investigado pela CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) da Câmara de Vereadores que investiga onde foi parar cerca de R$ 3 milhões arrecadados com o recebimento de taxas de embarques e aluguéis de guichês e pontos comerciais no Terminal Rodoviário Municipal, quando administrado por ele. Heloísa Lazarini