01 de dezembro de 2020
Campo Grande 33º 24º

Presidente da Faems conclama empresário murtinhense a acreditar na própria força

Ao participar da posse da nova diretoria da Associação Comercial e Industrial de Porto Murtinho (Acipom), o presidente da Federação das Associações Empresariais de Mato Grosso do Sul (Faems), Antonio Freire, advogou a necessidade de união e de mobilização da classe para conquistar seus objetivos. Ele ressaltou a capacidade murtinhense de apontar para o futuro, citando a preocupação do prefeito Heitor Miranda em buscar investimentos estruturantes para potencializar e diversificar a economia, como a consolidação da rota bioceânica entre o Brasil e o Chile, a partir de Porto Murtinho, ligando o Pantanal e o Circuito das Águas de Bonito ao deserto do Atacama e, pelo Rio Paraguai, ao porto chileno de Iquique, caminho brasileiro mais próximo e competitivo para o Pacífico."O comerciante que ainda insiste em olhar seu concorrente como inimigo e torcer pelo insucesso dele, dá um tiro no próprio pé", definiu. "O mundo mudou, e mudou de vez. A dinâmica de mudanças e o nível de exigências atropelam quem não se ajustar aos tempos. Mas o comércio é e será sempre a base de impulsão da economia e de evolução social dos povos. E por isso é imprescindível que os comerciantes se ajustem, se unam, troquem suas experiências e tenham uma entidade representativa forte e parceira dos poderes públicos, mas isenta, capaz de apontar seus próprios caminhos", acentuou. Nos 79 municípios do Estado a Faems congrega 60 associações comerciais. Representa o setor da economia que responde por 79% dos empregos (comércio e serviços) e mais de 80% dos ICMS arrecadado.Freire, uma das mais jovens lideranças de ponta na economia regional foi eleito para o cargo com 63% dos votos e processa uma das gestões mais produtivas do setor associativo em Mato Grosso do Sul. Edson Moraes, especial para MS Notícias