08 de agosto de 2020
Campo Grande 31º 17º

Cotidiano: Veja como foram as compras de natal do campo-grandense

O campo-grandense aproveitou o feriado de natal para reunir a família, trocar presentes e apresentar à cidade para os visitantes do interior. Ainda na véspera de natal os supermercados estavam lotados e o MS Notícias foi até o Mercadão Municipal conferir como estava o espírito natalino da população.

A veterinária Mara Glienke, 43, foi com o esposo, o analista de sistemas Marcos Glienke, 45, para as últimas compras no Mercadão da Capital. “Estamos procurando bananas, ameixas, pêssegos, abacaxis. Na parte de verduras queremos alface, cebolinha, tomate”, conta. O objetivo era preparar uma ceia caprichada para a família.

Marcos Camargo, 40, aproveitou as compras de natal para levar os parentes do interior para conhecer Campo Grande e resolveu tentar a sorte com cupons promocionais oferecidos pelo supermercado. “Trouxe o pessoal para conhecer o centro, comprar presente. Família grande, bastante gente. Também vou aproveitar esses cupons. Quem sabe não banho uma moto na virada do ano?”, pergunta esperançoso.

Letícia Teixeira, 23, veio de Dourados – distante 225 km de Campo Grande, para passar o natal na casa da sogra. Com a filha de dez meses de idade no colo, ela conta animada que vai fazer um churrasco e comemorar o aniversário da sogra que também é na mesma data. Gabriel Oliveira, 18, veio de Terenos – a 28 km da Capital, para comemorar o feriado na casa do primo. Com muitas sacolas, ele diz que pretende presentear cerca de dez pessoas este ano.

Como nem tudo são flores, os consumidores que deixaram as compras para a última hora reclamaram da alta nos preços dos produtos da ceia e do grande movimento nos supermercados. “Na semana passada o peru estava R$ 7,98, ontem quando fui comprar estava R$ 12,98”, argumenta Moreu Francisco, 25.

Por outro lado, a vendedora Enir da Silva Bezerra, 58, comemora a alta nas vendas. “Está muito boa. Desde ontem tem um grande movimento. Compram milho, feijão, de tudo”, disse alegre.

Diana Christie