08 de agosto de 2020
Campo Grande 31º 17º

Solenidade homenageia Marçal de Souza e Dia da Consciência Negra

A Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul realiza hoje uma sessão solene em homenagem aos 30 anos da morte do líder indígena Marçal de Souza "Tupã I" e em comemoração ao Dia Nacional da Consciência Negra. A cerimônia proposta pelos deputados petistas Amarildo Cruz e Laerte Tetila começa às 19h no Plenário Deputado Júlio Maia.

No evento, será entregue o prêmio Marçal de Souza que reconhece o trabalho de pessoas que atuam em defesa da causa indígena. O símbolo do prêmio, "Tupã I", também conhecido como Marçal Guarani, nasceu no dia 24 de dezembro de 1920, em Rincão Júlio, região de Ponta Porã. O líder indígena da etnia guarani-nhandevá foi brutalmente assassinado em 25 de novembro de 1983, no município de Antônio João após denunciar a exploração nas aldeias. Recentemente, foi condecorado com a honra de Herói Nacional do Brasil pelo Governo Federal.

Também será entregue a medalha do Mérito Legislativo Zumbi dos Palmares. Zumbi dos Palmares nasceu no estado de Alagoas no ano de 165 e foi um dos principais representantes da resistência negra à escravidão na época do Brasil Colonial. Liderou o Quilombo dos Palmares, comunidade livre formada por escravos fugitivos das fazendas. Na época, o quilombo alcançou uma população de aproximadamente trinta mil habitantes.

Diana Christie com assessoria