24 de novembro de 2020
Campo Grande 35º 21º

Alex afirma que vereadores querem a cadeira elétrica de Bernal

O vereador Alex do PT afirmou na tarde de hoje que os constantes embates travados entre a Câmara Municipal de Campo Grande e o prefeito, Alcides Bernal (PP), além de serem desnecessários, afetam diretamente o bem-estar da população, tendo em vista o tempo gasto em “tentar derrubar o prefeito” ao invés de criar leis para levar melhorias para o povo. “O clima que paira é de perseguição, estão querendo a cadeira elétrica do prefeito e com isso perdendo tempo, essa é a única conclusão que posso ter”, disse.

O vereador aproveitou ainda para comentar os depoimentos que estão sendo prestados nas oitivas da Comissão Processante. “Sobre as empresas contratadas não pode ser feito um pré-julgamento, elas apresentaram os melhores preços e por isso foram selecionadas”, afirma o vereador que lembrou ainda de um problema parecido na gestão passada. “O Nelsinho também teve problemas no pagamento da Solurb e nem por isso pediram a cassação dele, isso é perseguição com o Bernal”.

Alex conta que a desconfiança dos vereadores em relação à seriedade das empresas contratadas por Alcides Bernal, não tem fundamento. “Os vereadores querem acusar as empresas de corrupção, porém não existe base pra isso, e sobre o processo de licitação, uma empresa pode ter aberto as portas ontem e já ganhar um pregão, isso é natural e completamente regular”, conclui.

Clayton Neves e Alan Diógenes