19 de junho de 2021
Campo Grande 27º 14º

CPI da Enersul é oficializada na AL

A publicação da criação da CPI da Enersul saiu na manhã de hoje no Diário Oficial da Casa

A- A+

Foi publicado no Diário Oficial da Assembleia Legislativa do dia de hoje, a criação da CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) da Enersul. A CPI em como objetivo apurar denúncias apontadas por Auditoria.

Conforme auditoria, foi constatado o  desvio de R$ 700 milhões e a existência de uma folha confidencial para pagar mensalmente 35 pessoas físicas e jurídicas , configurando uma espécie de mensalão, anos 2010 ­ 2015.

Conforme o Ato nº 02/15, o prazo para a conclusão dos trabalhos da Comissão é de 120 dias e deverá ser composta por cinco parlamentares titulares e cinco suplentes.

Durante algumas sessões realizadas na Casa de Leis, o deputado estadual Marquinhos Trad (PMDB), falou que a investigação foi realizada pela PWC (Price Water House Coopers), a pedido da Comissão de Valores Mobiliários, após requerimento de Marquinhos e o então deputado federal Fábio Trad.

Agora, as bancadas deverão indicar os nomes dos deputados, que serão membros da comissão, para assim iniciar os trabalhos,