29 de setembro de 2020
Campo Grande 37º 20º

Discórdia toma conta do PSDB em Mato Grosso do Sul

Algumas discórdias vêm tomando conta dos membros do PSDB (Partido da Social Democracia Brasileira), pois na manhã de ontem, o presidente municipal do PSDB (Partido da Social Democracia Brasileira), Carlos Alberto Assis afirmou ao MS Notícias que o deputado federal Reinaldo Azambuja (PSDB) teria uma reunião com Nelsinho Trad (PMDB) para falar sobre uma possível aliança entre os partidos.

Márcio MonteiroMas, ao contrário de Assis, o deputado estadual e presidente do PSDB-MS, Marcio Monteiro (PSDB) disse que desconhece qualquer tipo de reunião, ressaltando que o PSDB está dialogando com diversos partidos, com exceção do PMDB que já tem uma chapa definida. “Eu não acredito que eles se reuniram, acredito até que essa informação não é verdadeira porque o PMDB já tem chapa definida e não teremos nenhuma conversa com eles”.

Contrariando mais uma vez a afirmação de Assis, Marcio Monteiro ressaltou que o PSDB não pretende exigir que o nome da vice-governadora Simone Tebet (PMDB) seja excluído para concorrer uma vaga no Senado, pois eles já escolheram e nada será alterado. “Eles decidiram, então nosso partido não faz nenhuma exigência, a chapa do PMDB foi definida e não tem porque o PSDB exigir nada”, explica Marcio.

Nem tudo é discórdia, pois de acordo com o deputado, Assis estava certo ao citar que o PSDB já conversou com partidos como DEM (Democratas), PPS (Partido Popular Socialista), PMN (Partido da Mobilização Nacional), entre outros, buscando entender as propostas de todos os partidos para fazer aliança com a ideia que mais se aproximar dos objetivos do PSDB.

Dany Nascimento