10 de agosto de 2020
Campo Grande 32º 19º

Marquinhos Trad fica surpreso ao saber que terá de provar na justiça acusações feitas a Amarildo

O deputado estadual Marquinhos Trad (PMDB) ficou visivelmente abalado ao saber que terá que provar judicialmente e documentalmente as denúncias sobre desvio de dinheiro público e suposto superfaturamento de gastos praticados pelo então presidente da CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) da Saúde, deputado estadual Amarildo Cruz (PT).  Amarildo esteve ontem à tarde na Procuradoria Geral de Justiça do Estado para entregar documentos que faltavam ao pedido que ele protocolou para que o MPE (ministério Público Estadual) obrigue Marquinhos a provar documentalmente e judicialmente as denúncias feitas por ele no Plenário da Assembleia nas últimas duas semanas.   Marquinhos apenas declarou que sua defesa são os antecedentes da vida de Amarildo. O deputado ressaltou que não sabia do caso pois não havia ainda sido notificado sobre o processo. Saiba Mais: Marquinhos Trad vem usando a tribuna da Assembleia Legislativa para solicitar de maneira detalhada as informações referentes aos gastos da CPI da Saúde, presidida por Amarildo. Marquinhos o acusa de desviar dinheiro público e de adiar a prestação de contas da CPI da Saúde devido a este fato. Já Amarildo, após as acusações, no dia 10 de dezembro, através de requerimento pediu que CPI da Enersul também apresentasse relatórios detalhados dos gastos. Trad foi o relator dessa Comissão. O petista também protocolou uma ação no tribunal de justiça contra Trad, para que ele prove esta acusação, e caso não o faça, Amarildo irá entrar com uma queixa crime e vai pedir indenização por danos morais. Heloísa Lazarini e Clayton Neves