24 de maio de 2024
Campo Grande 23ºC

LANDMARK RIOS

Servidor ranqueia no top 6 de intenções de votos para vereador da Capital

Legislativo campo-grandense pode sofrer renovação significativa, conforme pesquisa

A- A+

Pela primeira vez colocando seu nome a disposição da população, Landmark Rios aparece no top 6 das com 0,80% das intenções de votos para ocupar uma cadeira na Câmara dos Vereadores de Campo Grande (MS).

Os números divulgados nesta 2ª.feira (8.abr.24) são do Instituto Ranking Brasil Inteligência, numa pesquisa encomendada pelo site Diário News, sobre as intenções de votos para vereadores da Capital nas eleições 2024

Neste levantamento, Landmark, que é Servidor público da Agência de Desenvolvimento Agrário e Extensão Rural de Mato Grosso do Sul (AGRAER), aparece logo atrás de Flávio Cabo Almi, que tem 1% das intenções de votos dos campo-grandenses.

Landmark surge à frente de atuais legisladores que buscam reeleição como Ronilço Guerreiro, que tem 0,7%, Carlão e Otávio Trad que tiveram apenas 0,6% de menções cada um.

Conforme a pesquisa, há pouca chance de outros legisladores se reelegerem ou mesmo de retornarem à um mandado, o caso dos seguintes: Chiquinho Telles, Juiz Odilon, William Transporte, Maurício Picarelli e Wilson Lands, todos empatados com 0,5%. Com menos chances ainda aparecem Ninho, Bruna Lopes, Tabosa, Valdir Gomes e Tiago Vargas empatados com 0,4% cada um e, em seguida, estão Alírio Villasanti, Keliana Fernandes, Dr. Sandro Benites, Dr. Victor Rocha, Adilson Rodrigues, Edilson da Saúde, Beto Avelar, Ribeiro Filho, Papy, Roberto Mateus e Adriana Nascimento empatados com 0,3% cada um. Eis a íntegra do levantamento espontâneo: 

A pesquisa registrada no TSE sob o nº MS-05481/2024 entrevistou, de 2 a 7 de abril, duas mil pessoas maiores de 16 anos, moradores das sete regiões urbanas, distritos e zona rural da cidade, com margem de erro de 2,20%.

PEFORMANCE

Essa é  3ª pesquisa de intenções de votos para vereadores em Campo Grande realizada pelo Instituto Ranking Brasil Inteligência. 

Como anotamos aqui, no 2º levantamento divulgado em 11 de março de 2024, Landmark estava na 4ª posição com 0,90% das intenções de votos. 

Já no 1º levantamento realizado pela Ranking de 26 a 30 de janeiro e divulgado no início de fevereiro deste ano, mostramos aqui no MS Notícias, Landmark aparecia com 0,40%, empatando com os também pré-candidatos Claudinho Serra, Grazielle Machado, Delegada Sidnéia e Maicon Nogueira. Agora, no entanto, o pré-candidato deixou os adversários para trás, saltando 0,50% e depois 0,40%.  

COALIZÃO

Landmark tem sido considerado e vem se confirmando como uma das mais promissoras figuras políticas campo-grandenses.

Como registramos aqui, numa cerimônia de aniversário de 50 anos do pré-candidato, realizada em 13 de janeiro,  estiveram políticos de esquerda, direita e centro, numa impressionante coalizão.

Dentre as importantes figuras que estiveram na festa, haviam Rose Modesto, Walter Carneiro Jr, a prefeita Adriane Lopes e o Deputado Estadual Lídio Lopes, o Deputado Federal Beto Pereira, o assessor do Ministro Paulo Teixeira (Desenvolvimento Agrário e Agricultura Familiar), Tiago Borges, o Engenheiro civil, o ex-deputado estadual e ex-secretário de Infraestrutura, Transportes e Habitação de Campo Grande, Semy Ferraz, Agamenon Rodrigues do Prado (ex-secretário do Trabalho e presidente municipal do PT) e o Conselheiro de Cultura e Coordenador da Residência Socialista do PT, Walber Noleto.

Filho de José Rios e dona Berta Rios, Landmark é fruto de escola pública (fundamental e médio), tendo sido criado no Bairro Santo Amaro.

Um dos principais apoiadores da promissora carreira política do servidor é o prestigiado deputado federal Vander Loubet (PT).

Landmark entrou na política por meio de encontros estudantis da UBES, USMES, UCE e UJS e UNE, assim decidindo por filiar-se a uma representação partidária.

Na luta acadêmica, é reconhecido pela luta pelo Passe Livre, pela defesa de eleição direta para direção escolar, pelo voto aos 16 anos, das Diretas Já, e pela meia entrada de estudantes em ambientes permitidos.
Leia a íntegra da trajetória política de Landmark Rios, contada recentemente aqui no MS Notícias.

A PESQUISA 

Uma das curiosidades dessa pesquisa, é que 66% dos entrevistados não sabem ou não responderam em quem vão votar no pleito de outubro deste ano.  

A pesquisa teve um custo de R$ 10 mil pagos com recursos próprios do DMSN Midia Ltda / DMSN Mídia. Eis a nota fiscal.  

Liniane Gazola foi a estatística responsável pelo estudo eleitoral. Eis a íntegra