03 de dezembro de 2020
Campo Grande 34º 23º

DECISÃO JUDICIAL

Vereador de Campo Grande é inocentado de acusação de estupro

"Justiça foi feita", comemorou o parlamentar

O vereador Eduardo Romero (Rede), foi inocentado na última sexta-feira (3.abril) de acusação de suposto estupro de um adolescente de 13 anos em Campo Grande. A sentença concluiu que faltaram provas na investigação. O vereador comemorou: “Acusação infundada e improcedente, justiça foi feita. Continuo meu trabalho pelas pessoas e pela cidade”, disse.

A acusação dizia que Romero havia suspostamente aproveitado um momento sozinho com o adolescente e cometido o crime, o que não foi comprovado.A acusação contra Romero chegou à imprensa em 22 de janeiro de 2019, mais de um ano após a denúncia feita pela família do menino.

A defesa de Romero foi realizada pelo advogado José Roberto da Rosa. O caso foi registrado na Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário (Depac) Piratininga e tramitou em sigilo na 7ª Vara da Infância e da Juventude.

Na época da acusação Romero havia divulgado nota em que relacionava a acuasação a inimigos políticos.  

A NOTA 

Quanto a acusação que está circulando nas redes sociais e imprensa, esclareço: Trata-se de uma acusação totalmente falsa e indevida. Estar na política te transforma em inimigo de muita gente, e não medem esforços para prejudicar e tirar de cena.

A justiça está fazendo seu trabalho e em breve teremos as respostas. Confio na Justiça e em Deus, e tenho a consciência tranquila.

Mas deixo o questionamento: como um processo sigiloso torna-se público gerando prejuízos incalculáveis, antes mesmo da decisão da própria Justiça? Absurdo.
Eduardo Romero