22 de abril de 2021
Campo Grande 29º 18º

#LUTO | SERTANEJO

Cantor Paulo Sérgio, que fez dupla com Santhiago, morre de Covid-19

No dia 8 de março, ele apresentou melhoras, mas o quadro mudou de ontem para o dia de hoje

A- A+

O cantor Paulo Sérgio, que faz dupla com Santhiago, morreu hoje (12.mar) em Campo Grande. Ele estava internado e faleceu devido a complicações da covid-19.  

Internado desde o dia 5 de março, teve agravamento do quadro quando foi para Unidade de Terapia Intensiva (UTI) com 75% do pulmão comprometido por causa da covid-19.

No dia 8 de março, ele apresentou melhoras, mas o quadro mudou de ontem para o dia de hoje. Paulo Sérgio deixa três filhos, entre eles um bebê de 30 dias. 

A informação da morte foi confirmada pela dupla de Paulo Sérgio, Santhiago, no Facebook. 

Apesar de estar atualmente com Santhiago, Paulo começou a carreira ao lado de Marco Aurélio. Os dois são reconhecidos como precursores do sertanejo universitário. Em 2012 se separaram após 17 de caminho juntos, mas Paulo Sérgio também continuou cantando e como empresário de outras duplas. 

A dupla cantava desde 1995, mas o primeiro disco só foi gravado em 1997, com as músicas "Escuta", "Deusa Menina" e "Deita No Meu Colo".

No dia 7 de março, o companheiro Santhiago conseguiu entrar na UTI e cantou para o parceiro. Ontem, a homenagem foi violada em uma pizzaria da Capital. "Por favor acreditem nessa doença, não neguem", apelou Santhiago.

Ele também agradeceu todo o apoio que a dupla recebeu de amigos e fãs. "Mas infelizmente não deu", lamentou. Segundo o sertanejo, nos boletins, os médicos sempre nos passavam informações de que ele estava reagindo, tentando combater as infecções que eram muito fortes. A gente tinha certeza que ele iria vencer".

Ainda não há informações sobre o local do velório.