16 de agosto de 2022
Campo Grande 33º 23º

ACHADO DE CORPO | CAMPO GRANDE (MS)

Corpo achado carbonizado em carro na Vila Nasser é de professora da SED

Restos mortais foram achados no banco de trás do veículo

A- A+

Os remanescentes do corpo de Lucimar de Oliveira Mudo, de 45 anos, foram achados carbonizados às 10h desta sexta-feira (1.jul.22) dentro de um veículo Ford Ka, na Rua vicinal, próximo à rua Abrão Bacaxi, na Vila Nasser, em Campo Grande (MS).

Segundo o Boletim de Ocorrência (a íntegra), o carro ficou completamente destruído. Os restos mortais da mulher, que era professora concursada do Estado, foram achados no banco de trás do veículo.

O Delegado Gustavo Henriques Barros confirmou a identidade da vítima e destacou que, segundo informações preliminares, a educadora já havia tentado tirar a vida de forma semelhante anteriormente.

O MS Notícias confirmou por meio do portal da Transparência que a educadora era funcionária ativa da Secretaria Estadual de Eduacação (SED). 

O site G1, porém, disse que Lucimar lecionava para disciplina de Ciência para o ensino fundamental II (6º ao 9º) da Rede Municipal de Ensino (REME). A Secretaria Municipal de Educação (SEMED), não confirmou.  

A Sed explicou que existem professores cedidos que atuam no município, entretanto, a assessoria disse que não iria se manifestar oficialmente no momento.  

O caso foi registrado na 2ª Delegacia de Polícia Civil de Campo Grande como morte a esclarecer.  

DESPEDIDAS

Uma aluna usou as redes sociais para deixar uma última mensagem dedicada à professora.

Suziele Galdino escreveu:  "Querida professora Lucimar de Oliveira, tenho o coração partido. Em vida pude dizer que a senhora foi minha inspiração para ser professora de Biologia. Nunca me esquecerei dos seus ensinamentos. Obrigada por ter existido. Obrigada por ter me inspirado".