19 de abril de 2021
Campo Grande 31º 20º

Operação Retaliação

Polícia Federal deflagra e expedi 12 mandados de busca e apreensão

"Organização criminosa dedicada ao contrabando de cigarros"

A Polícia Federal em Três Lagoas deflagrou na manhã desta quinta-feira (1), a Operação Retaliação que investiga organização criminosa dedicada ao contrabando de cigarros.

 O grupo criminoso utiliza a cidade, localizada ao Leste de Mato Grosso do Sul, como entreposto e base logística para comercialização dos cigarros adquiridos no Paraguai.

Aproximadamente 45 policiais, contando com a participação de policias federais, rodoviários federais e militares, estão cumprindo desde as primeiras horas da manhã, três mandados de prisão e 12 mandados de busca e apreensão expedidos pela 1ª Vara Federal de Três Lagoas.

A decisão judicial ainda determinou o bloqueio de valores de 11 contas bancárias da organização criminosa.

Os investigados vão responder, na medida de suas participações, por contrabando e formação de organização criminosa.

O grupo faz uso de depósitos clandestinos na periferia de Três Lagoas para armazenar os carregamentos de cigarros, que são transportados e revendidos nas lojas aparentemente regulares.

Todos os mandados estão sendo cumpridos no mesmo município. Os presos serão conduzidos para a Delegacia da PF, onde serão ouvidos e mantidos sob custódia. Todos ficarão presos à disposição da Justiça Federal.

O nome da operação faz alusão à forma cada vez mais ousada com que o grupo criminoso vem desenvolvendo suas atividades, desprezando a lei e desdenhando do Poder Judiciário e das forças policiais da região.