17 de junho de 2021
Campo Grande 26º 15º

Caso Bruno

Polícia finaliza inquérito sobre assassinato de professor de informática

A- A+

O inquérito policial que investigava a morte do professor Bruno Soares da Silva, de 29 anos, foi concluído. Na quarta está marcada uma coletiva de imprensa na 1º DP (Delegacia de Polícia) para esclarecer o caso.

O crime aconteceu no dia 16 do mês passado, por volta das 8h, em uma escola tecnologia que fica na Rua Maracaju, quase esquina com a 14 de julho.

Em depoimento Francimar Câmara Cardoso, de 30 anos, confessou ter assinado o professor de informática Bruno Soares, mas negou que tenha sido proposital e disse que o disparo que matou o Soares foi “sem querer”.

Motivo 

Francimar teria se motivado a acertar contas com Bruno depois de descobrir que no dia 23 de fevereiro, o professor de informática tentou assediar sua esposa, de 31 anos que trabalhava com ele na escola. O caso de tentativa de assédio foi registrado no dia 14 de março na Delegacia Especializada de Atendimento á Mulher.