29 de novembro de 2020
Campo Grande 35º 23º

Começa nesta terça desmonte de aviões sucateados no aeroporto de Guarulhos

Começa nesta terça-feira (10) o desmonte dos primeiros aviões sucateados que serão removidas do pátio do aeroporto de Guarulhos, em São Paulo, informou o Conselho Nacional de Justiça.

Nessa etapa, serão desmontadas duas aeronaves Boeing 737-200, pertencentes à companhia aérea Vasp, falida em 2008. A ação é resultado do programa Espaço Livre – Aeroportos, da Corregedoria Nacional de Justiça.

O programa tem por objetivo retirar dos pátios de 11 aeroportos brasileiros 53 aviões de grande porte sem condições de navegação após leilão realizado pela Justiça.

Participam da iniciativa o Ministério da Defesa, a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), o Comando da Aeronáutica, o Tribunal de Contas da União (TCU), o Tribunal de Justiça de São Paulo e o Ministério Público de São Paulo.

Os dois aviões da Vasp que começam a ser desmontados nesta terça-feira foram arrematados em leilão realizado em outubro pelos valores de R$ 64 mil e R$ 133 mil. Na ocasião, foram leiloados 17 aviões da Vasp. O valor total arrecadado foi de R$ 2 milhões.

Além destes, outros seis aviões de grande porte ocupam o pátio do aeroporto de Guarulhos, um dos principais do país: dois da Vasp, dois da Fly, um TAF e um da empresa Beta.

Desses, dois (um da Vasp e um da Beta) já foram arrematadas em leilão. A quarta aeronave da Vasp será levada a novo leilão em 16 de dezembro.

Chuva em Brasília adia retirada de aviões

A retirada de dois aviões da Vasp do aeroporto internacional de Brasília (DF), prevista para quarta-feira (11), foi adiada devido a atrasos no cronograma de desmonte das aeronaves

A demora ocorreu por causa das chuvas na capital federal. As aeronaves também fazem parte do lote de 17 aviões leiloados em outubro. Ainda não foi definida nova data para sua retirada.

Agência UOL