22 de janeiro de 2021
Campo Grande 30º 20º

Setor sucroenergético é tema de palestras na Capital

Aconteceu hoje o lançamento da Canacentro, realizado pela Famasul (Federação de Agricultura e Pecuária de MS) em parceria com a Biosul (Associação dos Produtores de Bioenergia de Mato Grosso do Sul). Neste segundo ano do Canacentro, que tem como tema “Visões de Futuro”, será debatido o mercado de açúcar e etanol, a situação do setor sucroenergético, industrialização e as reformas necessárias para a competitividade do Brasil.De acordo com o presidente da Famasul, Eduardo Riedel, esta edição terá grande qualidade de palestrantes que trarão discussões e propostas políticas para o Brasil sucroenergético. O Estado de Mato Grosso do Sul foi o que mais cresceu nos últimos anos neste setor, cerca de 185%. O Estado exporta açúcar, é produtor de etanol e de energia. Hoje é possível abastecer todo o Estado com a energia que é gerada.Luiz Alberto Moraes Novaes, Presidente da Comissão Bioenergia, comentou que o setor sentiu muito devido a seca e principalmente a geada, o que afetou a produtividade e a qualidade da cana. Apesar de não ter atingido a expectativa esperada, foram colhidas 41 milhões de toneladas. O Estado possuía 11 usinas de cana-de-açúcar, aumentou para 25, possui 23 em funcionamento e até 2020 o Brasil precisaria de mais cerca de 90 usinas, das quais muitas viriam para o Estado. “Muitas usinas podem vir para o Estado até 2020. É a melhor região do Brasil para se produzir a cana-de-açúcar”, afirma Roberto Hollanda Filho, presidente da Biosul. O Estado tem buscado apoiar a outra fase das usinas, por exemplo, industrializar mais o bagaço da cana, para que possa haver mais agreegação de valores dos produtos e subprodutos, afirma Tereza Cristina Corrêa da Costa Dias (Secretária De Desenvolvimento Agrário, Produção, Indústria, Comércio E Turismo De Mato Grosso Do Sul). O evento trará quatro palestrantes conhecidos nacionalmente e mundialmente, que são: Alexandre Mendonça de Barros, Plínio Nastari, Alexandre Fligiorini e Marcos Fava Neves. A abertura acontece no dia 19 de março às 19h no Centro de Convenções Arquiteto Rubens Gil de Camilo e se estende até o dia 21. Tayná Biazus