24 de setembro de 2020
Campo Grande 34º 20º

Damares Alves

Damares se retira de sala das Nações Unidas em protesto à Venezuela

A ministra Damares Alves (Mulher, Família e Direitos Humanos) se retirou da sala das Nações Unidas em protesto ao governo do presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, nesta 3ª feira (25.fev.2020). Atitudes como esta são raras na diplomacia internacional.

O ato foi realizado quando o chanceler venezuelano Jorge Arreaza começou seu discurso no Conselho de Direitos Humanos das Nações Unidas. A ministra brasileira foi acompanhada por outros representantes do Itamaraty –sede das relações exteriores do Brasil– que estavam com ela.

Em evento paralelo da 43ª Sessão da Comissão de Direitos Humanos do órgão internacional –e realizado depois–, Damares Alves afirmou que o Brasil “condena com máxima veemência as graves violações dos direitos econômicos, sociais e culturais” na Venezuela.