28 de janeiro de 2021
Campo Grande 28º 20º

Fiscalização

Fiscalização será intensificada nas rodovias de MS durante fim de ano

É esperado aumento de até 40% no fluxo de veículos

Polícia Rodoviária Federal (PRF) iniciou nesta sexta-feira (28) a Operação Ano Novo 2018, nas rodovias federais de Mato Grosso do Sul. A ação vai até a próxima terça-feira (1).

De acordo com a PRF, durante os cinco dias de operação, que acontece em todo o Brasil, é esperado um aumento de aproximadamente 30% a 40% no fluxo de veículos nas rodovias federais.

Nas 12 rodovias federais que fazem parte do Estado, os agentes federais estarão fiscalizando os aspectos de segurança na rodovia, como cintos de segurança e dispositivos destinados às crianças, bebê conforto, cadeirinha e assento de elevação. A prioridade são ações preventivas para redução de acidentes relacionados ao excesso de velocidade, à alcoolemia ao volante, às ultrapassagens indevidas, ao não uso de dispositivos de segurança.

DURANTE NATAL

Operação Natal, entre os dia 21 e 25 de dezembro, foram contabilizadas 10.517 multas, das quais 7,8 mil foram por excesso de velocidade permitida em rodovias.

A ação intensiva teve objetivo de intensificar a segurança dos motoristas em 3.652 quilômetros de rodovias federais que cruzam Mato Grosso do Sul.

Apesar do total de acidentes manter quase o mesmo número: 37 este ano contra 36 em dezembro passado, o número de ocorrências graves triplicou, passando de 3 para 11. O total de feridos dobrou, crescendo de 32 para 60 vítimas.

A assessoria de comunicação divulgou ainda o registro de 421 infrações por ultrapassagem, sendo 377 em faixa dupla contínua. Já as autuações pelo não uso do cinto de segurança do motorista e passageiro representou 102 e 183 infrações, respectivamente. Crianças sem cadeirinha, assento de elevação ou bebê conforto resultaram em 56 autuações.

Outro problema recorrente nas estradas do Estado é a situação de dirigir sob efeito de álcool, e por isso, a PRF realizou 3.346 testes com o bafômetro - etilômetro nas rodovias federais do MS; dos quais 69 motoristas foram flagrados em fiscalizações com o etilômetro e 17 motoristas foram presos.