26 de outubro de 2021
Campo Grande 29º 17º

Geral

Governo do Estado recebe propostas para 101.620 de procedimentos no Opera MS e Examina MS

A- A+

O Governo do Estado, por intermédio da Secretaria de Estado de Saúde, divulgou as propostas encaminhadas pelos municípios para projeto de incentivo estadual destinado à Caravana da Saúde, que nesta etapa será dividida em duas modalidades: Opera MS e Examina MS. Durante o programa serão realizadas 68.618 cirurgias e 33.002 exames no período de treze meses.

Anunciado pelo governador Reinaldo Azambuja em julho, o mutirão foi organizado para atender demanda represada durante a pandemia de covid-19. "Temos muitas pessoas aguardando na fila. Por isso vamos contratar cirurgias e diagnósticos, que são ressonâncias, tomografias, ultrassons, colonoscopia, endoscopia, ou seja, todos os exames parados dentro da regulação", destacou.

A Secretaria de Estado de Saúde recebeu propostas  de 39 hospitais em 34 municípios em Mato Grosso do Sul em 94 tipos de procedimentos cirúrgicos e 66 tipos de exames de média e alta complexidade.Objetivo é reduzir a fila de espera de cirurgias e exames que deixaram de ser realizados devido à pandemia de covid-19.

O secretário estadual de Saúde, Geraldo Resende, explica que a retomada do programa é de suma importância para a realização dos exames e cirurgias que estão represados. "Muitas pessoas aguardam na fila por cirurgias e exames. O programa tem por objetivo a realização desses procedimentos que deixaram de ser realizados durante a pandemia", disse.

Para o programa, o Governo do Estado reservou R$ 80 milhões, sendo R$ 60 milhões para as cirurgias eletivas para o exercício de 2021 e 2022 e mais R$ 20 milhões para realização de exames de média e alta complexidade para exercício de 2021. O retorno das cirurgias eletivas ocorrerá de forma gradativa e organizada, conforme a capacidade operacional de cada unidade hospitalar e região de saúde, não deixando de priorizar o atendimento de urgência e emergência, como também aos casos da COVID-19.

A relação geral do resultado do credenciamento do Opera MS e Examina MS pode ser acessado aqui 

Airton Raes, SES 

Fonte: Governo MS