28 de novembro de 2021
Campo Grande 32º 21º

Tradição

Governo repasse R$ 40 mil para Festival do Sobá na Capital

A- A+

O governador Reinaldo Azambuja (PSDB) autorizou nesta segunda-feira (8) repasse de R$ 40 mil para a realização do 11º Festival do Sobá em Campo Grande. A festa é organizada anualmente pela Associação da Feira Central e Turística da Capital (Afecetur) em comemoração ao aniversário da cidade – 117 anos em 2016. Este ano, o festival será feito de 11 a 14 de agosto, e, para o governador, a parceria do Estado ajuda a manter viva a tradição cultural e gastronômica do prato que representa Mato Grosso do Sul.

Relatos da presidente da Afecetur, Alvira Appel, apontam que a iguaria existe no Estado há mais de 100 anos, chegou com a imigração japonesa. “Fizemos um estudo em 2006 e descobrimos que nossa receita tinha mudado das origens, então registramos e tombamos o prato como a nossa receita, como regional”, contou. Atualmente, a tradição se tornou tão forte que existem 55 empresas campo-grandenses que geram empregos e renda com o sobá. Segundo Alvira, só na Feira Central são mil empregos diretos. “Temos mais sobaiolos do que pizzaiolos”, brincou.

Por toda a estima que o prato tem na culinária e cultura da Capital sul-mato-grossense, Reinaldo avaliou como importante o apoio ao festival que reúne descendentes de diversos povos, “o elo que nos une é a questão cultural”. Ele ressaltou ainda a Feira Central como ponto turístico de Campo Grande, lugar conhecido por diversas pessoas do Brasil e até do exterior.

O secretário de Cultura, Turismo, Empreendedorismo e Inovação, Renato Roscoe, lembrou do compromisso do Governo com eventos grandiosos que estão no calendário oficial do Estado. “Queremos trazer as pessoas de fora para essa festa e queremos que elas tenham experiências agradáveis”, disse ele.

11º Festival do Sobá

A cerimônia de abertura do 11º Festival do Sobá de Campo Grande será no dia 11 de agosto às 19h30. O governador Reinaldo Azambuja confirmou presença na festa, que integra o calendário oficial de eventos do Estado e de Campo Grande, e que objetiva disseminar a cultura japonesa por meio das oficinas gratuitas de artesanato, dança, música e gastronomia. Este ano, além de exposições, danças e shows da dupla Teodoro e Sampaio e de cantores regionais, o festival fornece  capacitação e qualificação nas áreas gastronômica e de artesanato.