27 de novembro de 2020
Campo Grande 35º 23º

Investimentos

Mesmo priorizando combate ao coronavírus, Governo mantém investimentos em obras

Diário oficial de hoje traz duas licitações para recapeamento da Avenida Mato Grosso e pavimentação de vias no Bairro Aero Rancho

A chegada do coronavírus forçou o Governo do Estado a acelerar a adoção de medidas de contenção de gastos e direcionar maior fatia de recursos para reforçar a estrutura dos setores de Saúde e Segurança Pública. Porém, mesmo com as dificuldades financeiras, o governador Reinaldo Azambuja determinou manutenção mínima do Programa Governo Presente, cujo lançamento ocorreu em 6 de março, poucos dias antes da eclosão da pandemia no Brasil.

Os recursos estão garantidos no orçamento do Fundersul (Fundo de Desenvolvimento do Sistema Rodoviário do Estado de Mato Grosso do Sul), e embora o Estado enfrente severa queda da arrecadação, que atingirá em maio R$ 250 milhões, segundo previsão da Secretaria da Fazenda, ainda assim, está sendo possível manter cronograma de execução de obras de infraestrutura no Estado.

Nesta quinta -Feira (23)  por exemplo, o Diário Oficial do Estado traz duas licitações para Campo Grande no valor total de quase R$ 10 milhões, que serão aplicados na revitalização do piso asfáltico (recapeamento) da Avenida Mato Grosso e pavimentação e drenagem do Jardim Aero Rancho, cuja obra resultada contrapartida de recursos do Ministério do Desenvolvimento Regional, liberados pelo esforço da deputada federal Rose Modesto (PSDB).

“Estamos focados hoje no combate da Covid-19, que vem exigindo esforço muito grande de todos nós. Porém, não podemos paralisar toda nossa estrutura administrativa, em especial projetos que vão com toda a certeza gerar empregos e renda para área de construção. O Estado está andando, apesar desta pandemia impor duras perdas e exigir esforço de todos nós administradores para cuidar da vida e bem-estar da nossa população”, explicou o governador Reinaldo Azambuja.

O governador decidiu manter o cronograma de obras, mesmo em ritmo mais lento, para não paralisar projetos em andamento e, ao mesmo tempo, licitando projetos que se encaixam dentro de nova realidade imposta pela paralisia da economia.

“Estamos empenhando recursos do Fundersul dentro do Programa Governo Presente para continuarmos tocando nossos projetos estruturais visando atender todas as nossas cidades. Trata-se de um investimento robusto de mais de R$ 4 bilhões para execução de obras nos 79 municípios neste ano, 2021 e 2022”, afirmou.

Avenida Mato Grosso

A licitação da recuperação da avenida Mato Grosso – em um trecho de 2.814 metros, da avenida Ceará à Calógeras – tem a abertura está marcada para o dia 25 de maio. O orçamento é de R$ 5,3 milhões e o prazo estimado é de 540 dias. O projeto foi fornecido pela prefeitura, por meio da parceria Juntos por Campo Grande. A licitação será do tipo menor preço. Com a obra, vai melhorar o tráfego e reduzir os acidentes em uma das mais importantes avenidas da Capital. A Mato Grosso é uma ligação ao centro da cidade e também acesso importante a bairros e ao Parque dos Poderes.

Motoristas e condutores aprovam a iniciativa, já que a avenida se tornou, em alguns trechos, uma verdadeira colcha de retalhos. “Bem melhor um asfalto novo do que um tapa-buracos, que eu penso que gasta mais dinheiro, porque faz mais e mais, e deixa a rua toda remendada. Está aprovada essa ação”, afirma a trabalhadora autônoma Lígia Pereira, de 35 anos. 

O Governo já havia investido no reordenamento do trânsito na rotatória na avenida Mato Grosso, local onde circulam mais de 30 mil veículos por dia. A solução de engenharia acabou com um problema crônico de congestionamentos.

A abertura da licitação da restauração do pavimento será às 8 horas, na Avenida Desembargador José Nunes da Cunha, s/n, Bloco 14, no Parque dos Poderes, onde também ficarão disponíveis o edital e seus anexos. 

Aero Rancho

Apesar da queda da receita, o Governo do Estado também publicou nesta quinta-feira (23.4) o aviso de lançamento de licitação para pavimentação asfáltica, drenagem de águas pluviais e recapeamento no complexo Aero Rancho. A abertura também está agendada para o dia 25 de maio, mas às 10 horas, no mesmo endereço. 

O orçamento desta obra conta com recursos próprios do Estado, R$ 4.659,00 milhões, e contrapartida de R$ 7 milhões do Ministério de Desenvolvimento Regional, que serão investidos em outras obras na região. A deputada federal Rose Modesto foi que conseguiu a liberação deste montante junto ao Governo Federal.  “Essa liberação era um compromisso e um sonho antigo. Eu priorizei nas minhas ações como deputada federal e fui aos ministérios até conseguir trazer esse recurso para Campo Grande”, concluiu.