MS Notícias

quarta, 08 de julho de 2020

PM suspeito

PM suspeito de matar esposa e suposto amante deve se apresentar nesta terça: Família está destruída

Criminalista foi contratado na noite do dia anterior e disse que primeira condição era que Lúcio Roberto Queiroz Silva se apresentasse. Fato deve ocorrer por volta das 15h.

Por: G1 MS08/10/2019 às 17:37
ComentarCompartilhar

A família do policial que matou a esposa e o suposto amante dela, em Paranaíba, a 422 km de Campo Grande, contratou um advogado na noite do dia anterior e diz que o suspeito deve se apresentar nesta terça-feira (8). Segundo o criminalista José Roberto da Rosa, a primeira condição era que Lúcio Roberto Queiroz Silva, de 37 anos, chegasse junto na delegacia e o fato deve ocorrer por volta das 15h (de MS).

"Estou na estrada a caminho de Paranaíba. A família está destruída e eu vou chegar na cidade por volta do meio-dia e ir direto para a delegacia. Na sequência, junto a família, vamos organizar a apresentação dele, que deve ocorrer por volta das 15 horas. Eu também já conversei com alguns policiais que trabalhavam com ele e me ressaltaram a conduta, que era de um policial exemplar. Por enquanto, eu ainda não sei onde ele está e acho que nem a família ainda sabe", afirmou ao G1 José Roberto.

Nessa segunda (7) a Justiça decretou a prisão temporária de 30 dias para o policial que já é considerado foragido. A delegada responsável pelo caso, Eva Maira Cogo, interrogou testemunhas do crime. Uma das pessoas que viu a ação de Lúcio de perto, foi o pai dele, que presenciou a morte de Regianni Araújo, de 32 anos, e chegou a tentar conter o filho.

Deixe seu Comentário

TV MS

22 de junho de 2020
Pagamentos pelo WhatsApp já estão disponíveis no Brasil
Pagamentos pelo WhatsApp já estão disponíveis no Brasil

Últimas Notícias

Ver Mais Notícias
MS Notícias - Sua referência em jornalismo no Mato Grosso do SulRua José Barnabé de Mesquita, 948
CEP 79100.200 - Vila Duque de Caxias
Campo Grande/MS
 (67) 99309.8172

Editorias

Institucional

Mídias Sociais

© MS Notícias. Todos os Direitos Reservados.
Desenvolvimento Plataforma