26 de outubro de 2020
Campo Grande 27º 22º

CAMPANHA

Prevenção do câncer de colo de útero é o objetivo do Março Lilás

Mato Grosso do sul tem incidência da doença que chega a 18,28 casos para cada grupo de 100 mil mulheres

O câncer de colo de útero é o quarto tipo que mais mata mulheres no Brasil, o Instituto Nacional do Câncer - INCA, estima que em 2020 serão 16.590 casos, no Mato Grosso do sul a incidência da doença chega a 18,28 casos para cada grupo de 100 mil mulheres. O março lilás é o mês dedicado à divulgação da prevenção e tratamento desse tipo de doença.

O câncer de colo de útero se desenvolve a partir de lesões precursoras, que se não tratadas, podem levar à enfermidade. O exame preventivo, Papanicolau, é o procedimento capaz de identificar essas lesões já no estágio inicial e o tratamento previne a doença em 100% dos casos. Mulheres entre 25 e 64 anos devem se submeter ao exame pelo menos uma vez ao ano.

Outra grande forma de prevenção é a vacina contra o HPV. Existem dois tipos de vacina, a quadrivalente, recomendada para meninos e meninas entre 9 e 26 anos de idade e a bivalente, para meninas e mulheres a partir dos 10 anos de idade. Todos os indivíduos nesta faixa etária deveriam receber a vacina. Meninas de 9 a 14 anos e meninos de 11 a 14 anos podem tomar a vacina gratuitamente no SUS. 

DOENÇA SILENCIOSA 

O câncer de colo de útero não tem sintomas iniciais aparentes, eles apenas surgem quando a doença encontra-se já em estágio avançado, por isso a importância de consultas periódicas ao ginecologista e exames preventivos.

Caso a mulher tenha sangramento vaginal, secreção incomum, dores na pélvis, dores na relação sexual deve procurar um médico o mais rápido possível.

O Hospital de Câncer Alfredo Abrão trata mulheres de todo estado com esse tipo de doença. Para o Diretor Geral do hospital, Dr. Gustavo Medeiros, “Prevenir é sempre o melhor caminho no caso dessa doença silenciosa e que não apresenta sintomas iniciais aparentes, durante todo mês de março estaremos em campanha de prevenção ao câncer de colo de útero, disponibilizando consultas e exames preventivos”.