26 de julho de 2021
Campo Grande 34º 19º

INTERNACIONAL | MEDELÍN (CO)

Vídeo: Yecenia, de 25 anos, morre ao saltar de ponte de 50 metros sem cordas

As imagens são fortes; uma turista registrou o exato momento do salto

A- A+

MEDELÍN (CO) - Yecenia Morales, de 25 anos, morreu de parada cardiorrespiratória ao cair enquanto aguardava numa fila para saltar de bungee jumping. O caso aconteceu no domingo (18.jul.21) sobre um viaduto entre os municípios de Amagá e Fredonia, e a queda da jovem foi registrada por uma turista que filmava um salto no momento.   

Segundo apurado pelo MS Notícias, a jovem teria entendido errado uma destinada a seu namorado, indicando que era a vez dele, que já estava com as cordas, a menina, no entanto, ainda não estava paramentada com uma corda de segurança e saltou.  

A jovem caiu de uma altura de 50 metros. Os bombeiros chegaram a ser chamados, mas quando eles chegaram Yecenia já estava morta.  

— Havia cerca de 100 pessoas para saltar de bungee jump de um viaduto a uma altura de cerca de 45 metros. Morales era uma das últimas da fila – ela seria a 90ª — contaram os jornais do País. 

No hospital, afirmaram que ela morreu de ataque cardíaco antes de chegar ao chão.

Conforme apurou a reportagem, o prefeito do município de Fredonia, Gustavo Guzmán, pediu a abertura imediata de investigações, visto que as duas empresas que estavam no local fornecendo os materiais não possuíam autorização para tal, mas, ainda de acordo com o prefeito, não existe uma Lei que obrigue a licença para o serviço turístico entre as cidades de Amagá e Fredonia. — Ele disse que vai editar um decreto para que as empresas ofereçam esse serviço — comentou a imprensa.

DEESPEDIDA – amigos lamentaram a partida precoce da jovem. Juan Esteban Giraldo escreveu: “Minha Yece, você vai embora e deixa um vazio na minha vida, você é e sempre será uma das minhas maiores amigas, confidente, colega, irmã; sem dúvida uma das melhores pessoas chegaram na minha vida. Descanse em paz. Yecenia Morales”.