25 de junho de 2021
Campo Grande 30º 19º

16% das crianças tomaram vacina no "Dia D" em Dourados

A- A+

No sábado, em Dourados – distante 225 quilômetros de Campo Grande – foram aplicadas no “Dia D” da Campanha Nacional de Vacinação, 2.078 doses de vacina contra o sarampo e 2.431 contra a poliomielite. As ações de imunização continuam nas unidades básicas de saúde. De acordo com o site Dourados Agora, a meta do município é imunizar 95% do público alvo até o último dia da campanha. Somente no sábado foi atingida 16,28% da meta de aplicação de doses contra o sarampo que é de 12 mil crianças e 16,65% da meta contra a poliomielite que é de 15 mil. Aqueles que ainda não levaram os filhos tomar a vacina devem procurar as unidades básicas de saúde. Todos os postos estão oferecendo as doses em horário habitual de funcionamento, das 8h às 11h e das 13h às 17h. Outro Dia “D” está marcado para o dia 22 e a campanha só encerra no dia 28 deste mês de novembro. As faixas etárias em que devem ser aplicadas as doses das duas vacinas são parecidas, por isso a campanha acontece simultaneamente. A vacina contra a paralisia infantil é aplicada em todas as crianças de seis meses a menores de cinco anos de idade e a vacina tríplice viral para imunizar contra o sarampo nas crianças de um ano a menores de cinco anos. Desde 1990 o Brasil não tem casos do polivírus, mas as ações devem ser mantidas até que aconteça a certificação mundial da erradicação deste agente infeccioso. Este ano é o 35º de Campanhas Nacionais de Vacinação contra a Poliomielite e o 25º sem a doença no Brasil. O objetivo da campanha é manter elevada a cobertura vacinal contra a poliomielite de forma homogênea em todos os municípios, visando evitar a reintrodução do vírus selvagem da poliomielite no país. Para isso, a população alvo deve ser vacinada indiscriminadamente. Em relação ao sarampo, o objetivo é resgatar os menores de cinco anos que ainda não foram vacinados contra a doença. A intenção é garantir a manutenção do estado de eliminação do sarampo e rubéola no país. Tayná Biazus