23 de setembro de 2020
Campo Grande 31º 17º

Indígenas protestam por melhorias em rodovia da "curva da morte"

Indígenas bloqueiam desde ontem a BR-060, próximo ao trevo da cidade de Nioaque – distante 187 quilômetros de Campo Grande. Os manifestantes estão concentrados nos quilômetros 508 a 510 da rodovia e o trânsito esta parado na região.  A reivindicação é devido as más condições da rodovia. Desde janeiro sete pessoas perderam a vida no trecho entre Sidrolândia e Nioaque, conhecido como Serra de Maracaju. No primeiro quadrimestre deste ano 9 acidentes foram registrados. À estatística da PRF foram acrescidos dois casos registrados entre os dias 25 e 26 (sexta e sábado, respectivamente). Só nestes dois dias três pessoas perderam a vida e outras cinco, ficaram feridas, conforme informações obtidas através do site Região News. Os índios terenna bloquearam a rodovia no início da serra. Autoridades políticas de quatro municípios estrão no local e aguardam representantes do Dnit (Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes). s manifestantes querem novo traçado da pista eliminando a famigerada “curva da morte”. Assista abaixo o vídeo em que o presidente da Câmara de Nioaque, Valdeci Ferreira dos Reis, intervém na manifestação.