08 de agosto de 2020
Campo Grande 31º 17º
RESPEITO À VIDA RAMAL ASSEMBLEIA

Prefeitura de Iguatemi começa à multar quem joga entulhos em canteiros centrais

A prefeitura de Iguatemi através da secretaria municipal de obras e infraestrutura está notificando os proprietários de terrenos baldios que não estão mantendo limpas suas propriedades e com isso tem colaborado na proliferação do mosquito da dengue. Se dentro do prazo determinado na notificação (48hs) as limpezas não forem feitas, a prefeitura irá realizar a limpeza do terreno e inserir o custo da limpeza no IPTU do contribuinte.

A iniciativa é uma estratégia da administração municipal, envolvendo as secretarias municipais de Obras e de Saúde para banir a criação de mosquitos transmissores da Dengue e evitar uma epidemia da doença neste período de desova do mosquito transmissor. “É inadmissível que o cidadão não se conscientize sobre a necessidade de manter limpos seus terrenos baldios, pois são nestes locais que são encontrados os principais focos da Dengue. É também, injusto que aqueles que mantém limpos seus quintais paguem por aqueles que não são” enfatiza o secretário de Obras – Luizinho.

Esta ação da Prefeitura está amparada na Lei Municipal n. 1.548 de 2010 que dispõe sobre a obrigatoriedade de se efetuar capinação e limpeza de terrenos urbanos sob pena de multa de até 03 UFERMS (Unidade Fiscal Estadual de Referência de MS).

LIXOS E ENTULHOS EM CANTEIROS CENTRAIS:

Outra ação iniciada pela administração que prevê até multa é para aquelas pessoas que jogarem lixos, galhos ou entulhos nos canteiros centrais das vias de mão-dupla. “Quando se joga entulhos ou lixos nos canteiros centrais, as equipes e maquinários são obrigados à adentrar nestes canteiros e com isso involuntariamente destruindo meios-fios e os gramados. A prefeitura tem feito sua parte, atuando na limpeza do município, mas é preciso o apoio, participação e colaboração da população neste processo para que possamos manter limpa sem destruir nosso patrimônio público” completou o secretário de obras.

As equipes de fiscalização já estão recebendo as denúncias e executando os infratores na tentativa de mudar um histórico hábito na cultura local no tocante à limpeza urbana.

“É uma luta que será muito difícil, mas iremos fazer nossa parte para que com isso possamos ter uma cidade cada vez melhor para se viver” finalizou Luizinho.

As denúncias também podem ser feitas através do telefone (67) 3471-2040 ou através do e-mail: obras@iguatemi.ms.gov.br.

Mídia Flex