04 de dezembro de 2021
Campo Grande 32º 21º

Vadinho (PT) pede a prefeito que faça ponto facultativo em aniversário de morte de Oziel Gabriel

A- A+

O vereador Vadinho (PT) encaminhou para a Mesa Diretora na Sessão Ordinária da última segunda-feira (26) um pedido de ponto facultativo no dia 04 de junho. A solicitação, que será protocolada ao Executivo, aconteceu durante o Grande Expediente, e tem como objetivo lembrar a data da morte do indígena Oziel Gabriel, executado durante um conflito de terras na Área Rural de Sidrolândia. Oziel foi alvejado com um tiro nas costas e mesmo sendo atendido no Hospital Elmíria Silvério Barbosa não resistiu. O assassinato ocorreu na Fazenda Buriti, onde um grupo de Terenas ocupou uma área, dando início ao conflito em 15 de maio de 2013. A reivindicação dos indígenas era por uma nova demarcação de terras. A Justiça Federal chegou a determinar na ocasião uma multa diária de R$ 1 milhão por dia à Fundação Nacional do Índio (FUNAI), caso os indígenas não abandonassem o local pacificamente. A decisão foi expedida no dia 02 de junho do mesmo ano, dois dias antes da morte de Oziel Gabriel. A Fazenda Buriti no período era de posse do engenheiro, pecuarista e ex-deputado-estadual, Ricardo Bacha. Além da propriedade, outras quatro também foram invadidos por 1600 indígenas, gerando no episódio confrontos entre os Terena e policiais. Região News