08 de agosto de 2020
Campo Grande 31º 17º

Pela 1ª vez, ONU responsabiliza Assad por crimes de guerra na Síria

A alta comissária das Nações Unidas para os Direitos Humanos, Navi Pillay, declarou pela primeira vez que provas "indicam a responsabilidade" do presidente sírio Bashar al-Assad em crimes de guerra e crimes contra a humanidade no conflito em seu país. "A Comissão de Inquérito (sobre a Síria do Conselho de Direitos Humanos) produziu uma enorme quantidade de evidências (...) sobre crimes de guerra, crimes contra a humanidade. (...) Essas provas indicam uma responsabilidade no mais alto nível de governo, incluindo o chefe de Estado", disse Pillay nesta segunda-feira durante uma coletiva de imprensa. Porta Terra