24 de novembro de 2020
Campo Grande 35º 21º

Campo Grande receberá quatro unidades de tratamento para dependentes químicos

Diana Christie com assessoria

Foto: Divulgação

{A2202070-060B-4123-A2A3-66F15F921B8A}_Centro_de_Atenção_-_Caps_Madeira_Mamoré_net

Campo Grande foi contemplada pelo Ministério da Saúde para receber duas unidades de Caps AD III (Centro de Atenção Psicossocial) e quatro UAs (Unidades de Atendimento) para tratamento de dependentes em álcool e drogas. A verba é de R$ 4 milhões, sendo R$ 2 milhões para a construção das unidades de Caps AD e R$ 500 mil para cada uma das quatro UAs.

De acordo com a Dra. Ana Carolina Guimarães, coordenadora da Atenção Especializada da Sesau (Secretaria Municipal de Saúde Pública), a prefeitura pretende ainda construir mais quatro novos Caps III, e quatro novas unidades de Caps Infantil, um em cada distrito da Capital, totalizando R$ 11,2 milhões em recursos próprios.

As novas unidades de Caps AD vão funcionar 24 horas por dia, com 12 novas vagas de acolhimento noturno para cada unidade. Atualmente, Campo Grande possui seis Caps, sendo uma unidade que funciona 24 horas por dia, localizada no bairro Aero Rancho.

As UAs contarão com 15 novas vagas em cada unidade, para acompanhamento em regime residencial do paciente. Duas unidades serão para atendimento de adulto e as outras duas para atendimento infantil.

Segundo Ana Carolina, a estimativa é que 18% da população enfrentam o problema e 1% seja dependente de drogas como crack, cocaína e pasta-base.