25 de setembro de 2021
Campo Grande 36º 21º

CÂMARA MUNICIPAL

Casa de Leis auxilia moradores com informação e atendendo seus pedidos

Lives informativas com a situação da Covid19 voltam hoje (17.mar.2021) e pandemia não impede ação dos vereadores pelos bairros

A- A+

Nesta 4ª feira (17.mar.2021) a Câmara Municipal de Campo Grande retomou as lives informativas, para tratar sobre a Covid-19, conduzidas pela Comissão de Saúde da Câmara, composta pelos vereadores Dr. Sandro Benites (presidente), Dr. Victor Rocha (vice-presidente), Dr. Jamal, Tabosa e Dr. Loester.

Devido às restrições, durante 2020, a Comissão Especial em apoio ao Combate a COVID -19 da Casa de Leis promoveu transmissões pela rede social, toda 4ª feira, para discutir com a sociedade as medidas de enfrentamento à doença. Aproveita-se do espaço para passar uma atualização sobre casos, internações e óbitos. Com mais um avanço desenfreado da pandemia, a Câmara restringiu ainda mais o acesso ao público pelas próximas duas semanas.

Também o público já não pode mais entrar nas sessões ordinárias, que acontecem semanalmente na 3ª e 5ª feira. Para agilizar os trabalhos em plenário será suprimida a "Palavra Livre" e cada parlamentar deve levar consigo até dois assessores para auxiliá-los em seus trabalhos legislativos

DESEMPENHO PARLAMENTAR

Aberto em 2021 um novo mandato para os vereadores, os parlamentares não deixaram de visitar bairros, órgãos e entidades para coletar demandas e servirem de elo entre população e executivo, na busca por melhorias para Campo Grande.

William Maksoud é um que reivindica sinalização e outras melhorias em diversos bairros de Campo Grande. As solicitações do vereador vão desde a instalação de playground, Academia ao Ar Livre, lixeiras e bancos, limpeza de calçada; inclusão de novo ponto de parada de ônibus; instalação de cobertura e assento em ponto de ônibus; pintura de quebra-molas, sinalização; troca de lâmpadas  queimadas; manutenção e limpeza de bueiros e operação tapa-buraco.

Além de pedir por pavimentação e drenagem das águas pluviais na avenida Solon Padilha, localizada na região do Polo Empresarial Oeste e próximo aos bairros Nova Campo Grande, Jardim Carioca e Serradinho. "“moradores e empresários da região, reclamavam que sofriam com os transtornos da falta de asfalto, com ruas intransitáveis pelo grande lamaçal e vários buracos e ainda pelas enxurradas que invadiam algumas residências, representando um problema social, gerando inúmeras reclamações”, comentou Maksoud sobre essa solicitação atendida.

Outro fiscal ativo é João César Mattogrosso. Dois bairros foram atendidos com limpeza após intervenção do parlamentar junto à Secretaria Municipal de Infraestrutura e Serviços Públicos (SISEP). Primeiro a calçada em torno da Escola Municipal Profº Vanderlei Rosa de Oliveira, Parque dos Novos Estados, e também duas áreas do Residencial Azaleia.

Ex-presidente da Casa de Leis por três mandatos, João Rocha também encaminhou ao Gabinete do Prefeito Municipal (GAPRE), indicações de melhorias aos bairros Vilas Boas, com tapa buraco; Jardim Parati, com revitalização da sinalização e  limpeza de ruas e avenidas no bairro Jardim Palmira, justificando que o local encontra-se com muito lixo.

Também o professor Riverton garantiu, na última semana, melhorias para o Tiradentes. Através dele, aconteceu operação tapa buraco na rua Dona Zulmira e limpeza de áreas públicas nas ruas Barão de Ubá, do Pandeiro, Mathias de Albuquerque e Marquês de Pombal. "O Professor Riverton teve muita atenção com nossos pedidos e nos atendeu prontamente”, afirma o presidente do bairro, Anderson Soares.

Camila Jara, em seu primeiro mandato, abriu votação para destinar  emendas para instituições e, com 24 horas que estavam abertas, 14.621 votos foram contabilizados. Nessa última etapa do Edital de Emendas, seis instituições foram beneficiadas e cada uma receberá R$ 30 mil para executar projetos no decorrer do ano. Essa etapa de votação popular ocorreu entre sábado (13/03), às 13, encerrada no domingo (14/03), às 13h.

“Abrimos o edital para cumprir o nosso propósito de fazer um mandato livre de indicações pessoais, principalmente no que tange à destinação de recursos. Recebemos muitos projetos bons e que são de extrema importância para o desenvolvimento da nossa cidade. Utilizamos critérios técnicos e separamos as instituições em grupos de acordo com o tamanho e potencial, para a disputa ser mais justa. Percebemos uma grande mobilização pelas redes sociais para divulgar a votação. Isso ajuda também a divulgar o trabalho das instituições que podem ser beneficiadas com doações de outras pessoas que queiram ajudar e passaram a conhecer o projeto por conta da votação”, afirmou Camila. O resultado você confere AQUI