15 de agosto de 2020
Campo Grande 35º 22º

“É o carimbo da verdade”, diz Grazielle sobre decisão do MPE que pode afastar Bernal

grazielle_c93ebf61

A vereadora Grazielle Machado (PR) declarou nesta manhã que o MPE (Ministério Público Estadual) entendeu que os argumentos apresentados pela Câmara Municipal sobre o remanejamento irregular realizado pelo prefeito de Campo Grande, Alcides Bernal (PP), eram verídicos e decidiu fazer o encaminhamento do pedido de afastamento do prefeito.

De acordo com a vereadora, a justiça mais uma vez ajudou os parlamentares a comprovarem suas ações. “No dia 22 de janeiro analisamos o remanejamento feito pelo prefeito e verificamos que havia irregularidades no mesmo. Após uma lista intensa de oitivas e outros ritos, a justiça tomou sua decisão. Essa é uma grande prova que fechamos com o carimbo da verdade”, destacou.

Segundo a vereadora em nenhum momento foi feita uma perseguição contra o prefeito Alcides Bernal. “De forma alguma encarei o fato como perseguição, muito pelo contrário, nós sempre demos o direito de resposta ao prefeito, ele que sempre se negou a dar explicações. Acredito que houve muito tumulto na administração da prefeitura. Agora precisamos concluir a Comissão Processante que só está preocupada com a população”, afirmou.

Grazielle comparou a relação do Legislativo com o Executivo como um elástico que nunca deve ter suas pontas ao chão. “O Legislativo puxa o elástico de um lado e o Executivo puxa do outro, não podemos nos desequilibrar e deixar as pontas caírem. Mas uma hora alguém vai soltar algumas das pontas, e parece que vai ser o prefeito”, finalizou.

 Alan Diógenes