08 de agosto de 2020
Campo Grande 31º 17º

Edil agradece justiça por liberar trabalhos da Processante e oitivas continuam a todo vapor

Edil Albuquerque

O presidente da Comissão Processante, vereador Edil Albuquerque (PMDB), agradeceu na manhã de hoje durante sessão ordinária na Câmara Municipal, a posição da justiça em aceitar a liminar que pretende dar continuidade aos trabalhos da comissão.

Isso por que ontem por volta das 18h, a justiça tinha concedido ao prefeito de Campo Grande, Alcides Bernal, o encerramento da comissão. Entretanto os vereadores entraram com outra liminar em seguida, e conseguiram continuar com os trabalhos da comissão que já estão quase no final.

“Graças a Deus deu certo, essa é uma oportunidade do nosso trabalhar se concluir. A justiça entendeu que devemos investigar as possíveis irregularidades na gestão de Bernal. Não vi nada de errado em retornamos com os trabalhos já que as testemunhas que estão depondo foram arroladas pelo próprio prefeito”, destaca Edil.

De acordo com o vereador foi concedido ao prefeito o amplo direito de defesa. “A comissão é um processo democrático que concedeu a ampla defesa ao prefeito. Não trabalhamos com o sentido de caçar ninguém e sim com o sentido de verificar se houve erros na Prefeitura. Exatamente para colaborarmos com a população que precisa saber realmente o que aconteceu”, salienta Edil.

Logo após o colhimento dos depoimentos, os integrantes da Processante irão disponibilizá-los para os demais parlamentares que decidiram se cassam ou não o mandato do prefeito Alcides Bernal.

Hoje logo mais às 14h o secretário municipal de planejamento, finanças e controle do município, Wanderley Bem Hur da Silva, prestará depoimento no Plenarinho da Câmara Municipal.

A coordenadora geral da Central Municipal de Compras e Licitações (CECOM), Gislaine do Carmo Penzo Barbosa, teria que prestar seu depoimento hoje às 15h, mas enviou um atestado neurológico no dia 19/11/2013 informando que não poderia comparecer, pois estava dispensada de suas funções como coordenadora por sete dias seguidos da data do documento.

O depoimento do prefeito Alcides Bernal está marcado para o dia 25/11/2013. Durante essa semana o prefeito informou que irá pessoalmente à Câmara pois sabe que não existe nenhuma irregularidades em sua gestão.

Alan Diógenes