28 de janeiro de 2022
Campo Grande 29º 21º

ELEIÇÕES 2022

Lula diz que Alckmin é o único tucano que gosta de pobre

Legendas negociam colocar Alckmin como vice de Lula em 2022

A- A+

Lula e Alckmin, que foram adversários nas eleições presidenciais de 2006 e 2018, negociam agora uma aliança da qual Lula é o maior entusiasta. A informação é da jornalista Thais Oyama publicada em sua coluna no portal UOL nesta sexta-feira (5.nov.21).

A maior rejeição de Lula está justamente em São Paulo, estado que Alckmin já governou por 12 anos, em mandatos diferentes. Uma ida do tucano para o PSB seria uma das condições para viabilizar a chapa.

De acordo com Thais Oyama, Alckmin teria dito a aliados que Lula não é uma ameaça à democracia como Bolsonaro e que a “atitude extrema” de estar ao lado dele seria justificada pela oposição ao presidente. A maior dificuldade para o avanço dessas conversas, no entanto, seria o fato de que o ex-governador teria interesse em, mais uma vez, disputar o Palácio dos Bandeirantes. 

O ex-presidente já teve três encontros com o ex-governador de São Paulo, sendo o primeiro deles em julho, na casa do ex-deputado federal e ex-secretário de Alckmin Gabriel Chalita, com a presença do ex-prefeito Fernando Haddad.

Alckmin ultimamente tem aquecido para filiações ao PSD, de Gilberto Kassab, e ao União Brasil, partido que surgirá da fusão entre o DEM e o PSL. Mas, na perspectiva de uma aliança com o PT, o PSB seria hoje a legenda mais conveniente para ele, dada a proximidade existente entre as duas siglas.

Com a movimentação Alckimin só teria a ganhar, com uma grande guinada em sua biografia ao embarcar numa chapa com o PT, além de por fim ao projeto de repetir a dose pela quinta vez, implicaria aumentar significativamente as chances de vitória do vice-governador Rodrigo Garcia, candidato de Doria — por quem Alckmin cultiva ardoroso desejo de vingança