05 de agosto de 2020
Campo Grande 31º 16º

"Não tenho muita expectativa", diz Cury sobre assumir vaga de Paulo Pedra

doutor cury samu

O doutor Eduardo Cury (PT do B) que é primeiro suplente do vereador Paulo Pedra (PDT) que teve seu mandato cassado pela Justiça Eleitoral de Mato Grosso do Sul, afirmou que não está ansioso para assumir o cargo de vereador já que a justiça vai julgar provavelmente amanhã o recurso apresentado por Pedra para revogar sua cassação.

De acordo com o Eduardo Cury o processo que investigava os vereadores já estava em andamento desde o começo desse ano. Por essa demora, Cury acredita que o recurso apresentado por Paulo Pedra vai demorar para ser julgado. “Não adianta ficar ansioso, pois essas decisões são demoradas. Aprendi a conviver sem muita expectativa nesse meio político, para exatamente não sofrer uma decepção”, destacou.

Questionado se assumir a vaga de vereador é exatamente seu projeto, Cury disse que gostaria de entrar no Legislativo para desenvolver a saúde de Campo Grande. “Trabalhei 38 anos como médico, então como vereador não pretendo sair dessa área, quero desenvolver a saúde da Capital. Não sou uma pessoa que possui necessidade financeira, então se eu entrar na política vai ser para trabalhar mesmo pelo povo. Mas agora é deixar nas mãos de Deus”, concluiu.

Alan Diógenes