31 de outubro de 2020
Campo Grande 26º 18º

Para Puccinelli, todos os partidos estão divididos

O governador do Estado, André Puccinelli (PMDB), afirmou na manhã de hoje que é normal haver rachas dentro de partidos políticos. Exemplo disso, foi o caso do vereador da Capital, Carlão (PSB), ter anunciado seu apoio ao pré-candidato Delcídio do Amaral (PT), ao contrário do partido, que firmou apoio ao pré-candidato, Nelsinho Trad (PMDB). O governador participou na manhã de hoje do “Dia D”, promovido pela Funsat (Fundação Social do Trabalho), que tem como objetivo ajudar pessoas portadoras de deficiência, a ingressar no mercado de trabalho. "Todos os partidos estão rachados. O PP está rachado, o PSDB está rachado, assim como o PMDB está rachado. Se é “partido”, significa que é rachado”, insinuou o governador. Ao ser questionado sobre algumas siglas estarem deixando de apoiar o PMDB, como aconteceu com o Partido da República no último dia 21 de maio, onde firmou aliança com Delcídio e indicará o nome para vice-governador, Puccinelli apenas riu ironicamente. Tayná Biazus