19 de outubro de 2020
Campo Grande 34º 23º

População apoia Puccinelli na repressão aos “black blocs”

Diana Christie

Após ter avisado que os manifestantes organizados conhecidos como “black blocs” serão recebidos no Mato Grosso do Sul com repressão policial, o governador do Estado, André Puccinelli (PMDB) convocou a população a opinar sobre qual postura ele deveria tomar. “Se vocês fossem o governador. O que vocês faziam?”, questionou.

A pergunta feita durante a solenidade de entrega de 215 geladeiras do Programa de Eficiência Energética realizada na Associação de Moradores do Conjunto Habitacional Moreninhas I, II e Nova Conquista foi recebida com aprovação das pessoas presentes. Entre as respostas dos moradores que foram repetidas pelo governador estavam “mandava prender todo mundo”, “fazia pagar indenização” e “colocava para trabalhar”.

O governador ainda completou que é importante para a população acompanhar a atividade política do Estado, pois “se tem um bom ou mau governador é porque o povo votou. Depois não adianta reclamar. Tem que participar sabendo o que aconteceu”.

Black block (bloco preto) é um movimento anarquista que preguem a desobediência civil. Costumam confrontar a polícia e destruir propriedades públicas e privadas. É um movimento descentralizado e seus membros geralmente usam lenços pretos para evitar a identificação dos rostos. Alguns foram pegos envolvidos em atos de vandalismo nos protestos no Sudeste.