29 de novembro de 2020
Campo Grande 35º 23º

Prefeitura anuncia criação de dois novos conselhos tutelares

Diana Christie

A SAS (Secretaria de Assistência Social) entregou nesta manhã três veículos e quinze computadores para os conselhos tutelares da região norte, sul e central, representada pelo conselho tutelar do direito da criança e adolescente. Os equipamentos foram adquiridos com recursos do Governo Federal e também está prevista a chegada de bebedouros, geladeiras e impressoras multifuncionais.

“Esta é uma conquista para os conselheiros tutelares atender melhor as nossas crianças que muitas vezes têm seus direitos negligenciados”, afirmou Donizette Alves de Oliveira, presidente do conselho municipal do direito da criança e do adolescente. Apesar de apreciar as melhorias, Donizette lembrou da necessidade de se criar ao menos mais dois conselhos para atender as regiões leste e oeste, além de melhoria nas sedes dos conselhos e remuneração adequada.

A secretária de assistência social, Thaís Helena, garantiu que já está previsto no orçamento para o ano que vem a criação de dois novos conselhos e outros dois até 2017, além da construção da sede central do conselho tutelar. De acordo com ela, o objetivo é adequar Campo Grande às normas nacionais que recomendam um conselho tutelar para cada 100 mil habitantes.

O prefeito Alcides Bernal (PP) aproveitou a solenidade para rebater críticas e declarou que “a cada dia, estamos dando respostas às agressões com realizações”. Segundo ele, Campo Grande será a primeira Capital com sede central do conselho tutelar. “Só falta encontrarmos um local”, disse.

O evento realizado na Esplanada dos Ferroviários também contou com a presença do diretor-presidente da Emha (Agência Municipal de Habitação), Amilton de Oliveira, a diretora da Agência de Regulação, Rita Vieira, o diretor da Fundac (Fundação para o Desenvolvimento das Artes e da Comunicação), Júlio Cabral, o diretor da Funsat (Fundação Social do Trabalho), Aldo Donizete, o secretário de Planejamento das Finanças, Wanderley Ben Hur, o secretário de Saúde, Ivandro Fonseca e o presidente do Conselho Tutelar, Lesli Ledesma.