03 de dezembro de 2020
Campo Grande 34º 23º

Puccinelli rebate críticas de Bernal e provoca: “espero que ele não seja esquizofrênico”

Diana e Heloísa

O governador do Estado, André Puccinelli, rebateu as críticas do prefeito de Campo Grande, Alcides Bernal (PP), de armar golpe político contra o chefe do executivo. “Eu deploro a declaração do prefeito”, afirmou.

Puccinelli declarou que as acusações são completamente infundadas. O governador conta que no dia 16 de janeiro se reuniu com Bernal e ofereceu 450 funcionários estaduais para trabalharem nos Ceinfs (Centros de Educação Infantil) da Capital que estariam fechando por falta de pessoal. Oferta que foi recusada pelo prefeito.

O peemedebista ainda ironizou as atitudes de Bernal. Puccinelli afirmou que torce para que o chefe do executivo não seja “esquizofrênico”, pois, somente a doença justificaria a “mania de perseguição” do prefeito.