25 de setembro de 2020
Campo Grande 36º 22º

INVESTIMENTOS

Senador Nelsinho Trad consegue empenho de R$ 20 milhões para Capital de MS

R$ 15,3 milhões para antiga rodoviária e mais R$ 5.145.351,86 para Pavimentação e Serviços Complementares de drenagem, Acessibilidade e Sinalização no Bairro Jardim Noroeste

O senador Nelsinho Trad recebeu o comunicado nesta quinta-feira do Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR) que a emenda, de número 71130011, apresentada no último dia 23, no valor de R$ 15,3 milhões, para obras de requalificação do antigo terminal rodoviário Heitor Eduardo Laburu foi empenhada. Para o Bairro Jardim Noroeste, para projetos de pavimentação drenagem e acessibilidade foram mais R$ 5.145.351,86 (Rua Urupês, Rua NS-1, Rua EW-1, Rua EW-2, Rua NE-2 e Rua SE-1). Nesta semana, segundo ele, a Prefeitura de Campo Grande deverá assinar os termos de convênio para garantir os recursos.

Segundo o senador, o projeto da Prefeitura de Campo Grande prevê a requalificação para recuperar o espaço degradado na região central do município; “Requalificando-o para o exercício pleno de suas múltiplas funções e a preservação do patrimônio público, favorecendo a maior concentração de atividades econômicas, sociais e de circulação de pessoas”, comentou.

Com a retirada do terminal rodoviário desse local, houve deterioração física do espaço que afetou diretamente as áreas comerciais e residenciais próximas, levando ao fechamento de diversos empreendimentos, principalmente de pequenos comerciantes e de prestadores de serviços da região. “Os resultados esperados compreendem o resgate, o fortalecimento e a preservação do local, conforme está no projeto, o Ministério informou que a Prefeitura Municipal de Campo Grande possui Capacidade Técnica e Gerencial de desenvolver o referido Projeto”, disse o senador.

SAÚDE E ASSINATURA DE CONVÊNIOS

Os repasses dos R$ 20 milhões conquistados pelo senador Nelsinho Trad do Ministério da Saúde para hospitais de Mato Grosso do Sul do chamado Mac serão assinados nesta sexta-feira, às 15h, pelos representantes das instituições beneficiadas na Prefeitura Municipal de Campo Grande. Estão previstos para Saúde de Campo Grande: R$ 11.982.552,00; ao Hospital Nosso Lar R$ 400 mil; Hospital São Julião R$ 500 mil; APAE de CG R$ 617.448,00  e para Maternidade Cândido Mariano o valor de R$ 1,5 milhão. (Dos 20 milhões, R$ 5 milhões foram para o município e 15 para essa distribuição acima).  (Com assessoria).