28 de outubro de 2020
Campo Grande 28º 21º

Servidores da Agepen tumultuam sessão da Assembleia Legislativa

Uma confusão se formou a poucos minutos na Assembleia Legislativa do Estado devido à votação do projeto da Agepen (Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário).

De acordo com o deputado estadual, Junior Mochi (PMDB), ao ser questionado ontem pela reportagem do site MS Notícias, os servidores da Agepen não concordam com o projeto pois exclui alguns funcionários beneficiados pela PCI (Parcela Constitucional de Irredutibilidade) .

Ainda ontem aconteceu uma Assembleia Geral dos servidores onde foi decidido por unanimidade a vontade de o projeto ser retirado, ficando assim combinado. Essa vontade se dá, segundo um servidor que não quis se identificar por motivos de segurança, pois não traz benefícios a todos os servidores. “Mesmo que eu seja contemplado voto pela retirada, pois somos mais de 1.500 servidores no total e apenas 200 receberiam o benefício”, afirma

Servidores da Jucems (Junta Comercial do Estado de Mato Grosso do Sul) também estão no local pedindo que o projeto deles seja retirado de pauta.

A sessão foi interrompida pelo presidente da Casa de Leis, Jerson Domingos (PMDB), pois os servidores ficaram incomodados e causaram desordem ao ver que o projeto entrou na pauta para a votação nesta quinta-feira, e então, Jerson chamou os deputados para conversar com o representante dos servidores Mauro César. O plenário está com todas as cadeiras ocupadas e ainda há alguns em pé.

Tayná Biazus e Dany Nascimento