GEO AND DEVICES - POR TERO QUEIROZ

MS Notícias

tera, 02 de junho de 2020

SEM SINAL

Vereador denuncia contrato de R$ 539 mil entre prefeitura e TV

A contratação foi divulgada na última sexta-feira (8.maio) no Diário de Contas do Estado de Mato Grosso

Por: FOLHA MAX12/05/2020 às 15:56
ComentarCompartilhar
Foto: Reprodução/Folha Max

O vereador Felipe Wellaton (Cidadania) levou ao Ministério Púbico Estadual (MPE) a denúncia e pedido de investigação da contratação sem licitação da TV Mais pela Prefeitura de Cuiabá no valor de R$ 539 mil. A contratação foi divulgada na última sexta-feira (8) no Diário de Contas do Estado, porém não está no Portal de Transparência do Executivo.

A justificativa para a contratação da TV Mais pela prefeitura é para a implantação do Programa @Portal da Escola Cuiabana de Educação a Distância, com transmissão ao vivo de aulas, por meio da TV aberta. Mas Wellaton questiona a falta de sinal de qualidade e de audiência da emissora escolhida.

“Falta transparência na escolha da emissora de televisão, já que estamos falando em alta quantia de dinheiro, além de a TV Mais não ter um bom sinal para a população cuiabana e não ter audiência relevante para o valor gasto”, afirma o parlamentar.

PTB e Chico Galindo

Felipe Wellaton lembrou que o contrato foi firmado com a Fundação Altamiro Galindo, da família do ex-prefeito de Cuiabá, Chico Galindo. Chico e o secretário municipal de Educação, Alex Vieira Passos são filiados ao Partido Trabalhista Brasileiro (PTB).

“Estão desviando o dinheiro da Educação para o PTB, para custear despesas de campanha, isso é uma manobra dos petebistas e é muito óbvio!”, declarou.

Fonte: Folha Max.

Deixe seu Comentário

TV MS

15 de maio de 2020
Ministério da Cidadania fala sobre auxílio emergencial
Ministério da Cidadania fala sobre auxílio emergencial

Últimas Notícias

Ver Mais Notícias
MS Notícias - Sua referência em jornalismo no Mato Grosso do SulRua José Barnabé de Mesquita, 948
CEP 79100.200 - Vila Duque de Caxias
Campo Grande/MS
 (67) 99309.8172

Editorias

Institucional

Mídias Sociais

© MS Notícias. Todos os Direitos Reservados.
Desenvolvimento Plataforma