24 de setembro de 2021
Campo Grande 36º 21º

VIOLÊNCIA | PARÁ

Vídeo: executada com tiro na testa, jovem implorou: "por favor, eu tô com muito medo"

Vítima estava desaparecida desde o último sábado (20.mar), ontem (22.mar) um vídeo de sua execução começou a circular nas redes sociais. O corpo da jovem também ainda não foi localizado.

A- A+

A Polícia Civil abriu inquérito para apurar a execução de Adriana Miranda Paz, de 21 anos, morta em Igarapé-Miri, nordeste do Pará. O momento do assassinato da jovem foi filmado e disponibilizado nas redes sociais nesta segunda-feira (22.mar). "Por favor, deixa falar... por favor, eu tô com muito medo!", pediu a jovem pouco antes de ser executada numa região de mata sentada sobre um tijolo.  

A vítima estava desaparecida desde o último sábado (20.mar). Em imagens divulgadas por criminosos, a vítima tenta explicar a situação em que teria se envolvido com um indivíduo chamado 'Didi'. "A primeira vez que fui deixar a massa, só deixei a massa, montei a moto e vim embora... Ele estava lá na frente com uma 'big', uma arma assim muito grande, ele estava lá na frente. Sendo que eu não conhecia o Didi não, eu só ouvia só falar dele... e na próxima vez que eu fui ele já não estava lá, já falaram que era para deixar a droga aqui no Ramão, que eu não quis ir...", explicou.  

Ainda não há informações sobre a circunstância e a motivação do crime, segundo a Polícia. O corpo da jovem também ainda não foi localizado.

A Superintendência Regional do Baixo Tocantins, da Polícia Civil, instaurou inquérito para apurar a execução. Informações que possam ajudar a Polícia a desvendar o caso podem ser repassadas pelo número 181, de forma sigilosa.

AS IMAGENS ABAIXO SÃO FORTES: