28 de setembro de 2020
Campo Grande 34º 24º

Causa animal

Ação em defesa da causa animal recebe apoio do Vereador Francisco

Ao ser informado de que “agentes da Guarda Civil Metropolitana de Campo Grande serão capacitados para atuarem no apoio à fiscalização ambiental à repressão aos maus tratos a animais domésticos”, o Vereador Veterinário Francisco Gonçalves de Carvalho (PSB), hipotecou total apoio ao anúncio feito pela administração, numa reafirmação de comprometimento com a causa animal.

O treinamento da GCM envolve noções das legislações vigentes sobre posse responsável, bem como preparar tecnicamente o agente  para abordagens de atendimento, na identificação adequada da infração, no manejo animal e na condução e conduta a ser adotada.

Ao todo 73  agentes da Patrulha Ambiental e que possuem o Curso de Agente de Apoio à Fiscalização Ambiental irão participar desta primeira etapa, sendo divididos em três turmas. 

De acordo com cronograma divulgado na edição de segunda-feira (6) do Diário Oficial do município (Diogrande) o treinamento tem inicio nesta quarta-feira, dia 8. A relação dos agentes convocados também está disponível no Diogrande.

Entre o conteúdo programático estão noções de definição de bem-estar animal, conceito de maus tratos e termo de vistoria zoosanitária, contenção de cães e gatos  e as legislações vigentes – Federal, Estadual e Municipal, além do diagnóstico da infração e atribuição de órgãos responsáveis. 

As aulas serão ministradas por profissionais do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ),  médicos veterinários e técnicos, e pelo delegado titular da Delegacia Especializada de Repressão a Crimes Ambientais e Atendimento ao Turista (Decat), Maércio Alves Barbosa.

O Centro de Controle de Zoonoses de Campo Grande recebe uma média de 100 denúncias de maus tratos contra animais por mês. A denúncia pode ser feita através do telefone (67) 3313-5000.