23 de novembro de 2020
Campo Grande 35º 20º

BOAS AÇÕES

Defensores públicos de MS doam 656 máscaras à profissionais da saúde

São extremamente seguras, evita o contato com gotículas, saliva e fluidos nasais que possam atingir o rosto, o nariz, a boca e os olhos

Dando continuidade nas ações de solidariedade em época de pandemia, as defensoras e defensores públicos do estado de Mato Grosso do Sul beneficiarão profissionais da saúde que estão à frente do enfrentamento do Covid-19, doando 656 máscaras que serão distribuídas nas Unidades Básicas de Saúde de Campo Grande. A entrega oficial acontece no dia 29 de abril, às 8 horas, na Sesau (Secretaria Municipal de Saúde).

“Nessa etapa nos sensibilizamos para ajudar aqueles que lidam diretamente com a saúde, principalmente aos que estão lutando no combate ao Coronavírus. Um gesto simples, mas que carrega a esperança e o amor ao próximo”, explica o defensor e presidente da ADEP-MS (Associação das Defensoras e Defensores Públicos do Estado de Mato Grosso do Sul), Dr. João Miguel.

As máscaras que serão doadas protegem todo o rosto do usuário. São extremamente seguras, evita o contato com gotículas, saliva e fluidos nasais que possam atingir o rosto, o nariz, a boca e os olhos.

Na primeira ação, realizada nos dias 8 e 9 de abril, as defensoras e defensores públicos de Mato Grosso do Sul doaram mais de 15 toneladas de alimentos às comunidades carentes da Capital. Mais de 780 famílias, que estão em situação de vulnerabilidade econômica devido à pandemia, foram beneficiadas com as cestas básicas. Além disso, 146 kits de higiene foram distribuídos às pessoas em situação de rua.

“Nós defensores estamos nos mobilizando para ajudar a população, tanto atuando em teletrabalho, como nos sensibilizando e arrecadando produtos para destinar àqueles que mais precisam nessa fase tão difícil que o mundo está vivendo”, afirma presidente da ADEP-MS, Dr. João Miguel.

A campanha é organizada pela Associação das Defensoras e Defensores Públicos do Estado de Mato Grosso do Sul (ADEP-MS) e pela Defensoria Pública do Estado de Mato Grosso do Sul.