27 de novembro de 2020
Campo Grande 35º 23º

Segurança

Estado aumenta efetivo para dar mais segurança à população durante as festas de fim de ano

A operação Boas Festas lançada nesta sexta-feira (6.12) pelo Governo de Mato Grosso do Sul irá colocar 3.500 policiais para reforçar a segurança da população no período que abrange as festas de Natal e Ano Novo. Na Capital serão 1.000 homens, e outros 2.500 nos municípios do Estado, que atuarão em pontos estratégicos até dia 4 de janeiro. 

O secretário de Justiça e Segurança Pública (Sejusp), Antonio Carlos Videira, elogiou o trabalho desenvolvido pelo efetivo e destacou os bons índices de redução de criminalidade. “Que a exemplo dos homicídios culposos, e os demais crimes que reduziram neste ano, nós consigamos estar todos juntos, firmes, fiscalizando, prevenindo e reprimindo. Não obstante a redução de todos os índices, temos o grande desafio, talvez maior e mais difícil do que conquistar é manter”, pontuou.

Os investimentos através do programa MS Mais Seguro também foram lembrados por Videira, que anunciou a entrega de mais 43 viaturas para os próximos dias, e agradeceu ao secretário Especial de Gestão Política de Campo Grande, Carlos Alberto de Assis, que viabilizou a contratação de uma empresa para a compra de mais 70 viaturas com previsão de entrega para o próximo semestre do ano, além da retomada de cursos para o efetivo. 

Representando o governador Reinaldo Azambuja no ato, Assis elogiou o trabalho desenvolvido pelas forças de segurança que fazem do Estado referência nacional. “Mesmo sendo um Estado com duas fronteiras secas, nós damos exemplos de resolução de crimes. Este Governo continua investindo porque o MS Mais Seguro é um projeto de governo onde nós envolvemos todas as nossas forças policiais num só sentido: Policia Civil, Bombeiros, Policia Militar trabalhando unidos para fazer do MS o 2° estado mais seguro desse país, mesmo com todas as adversidades por que passa a nossa nação”, destacou.

O policiamento de rua será reforçado por 450 policiais que serão remanejados de setores administrativo, sendo 150 na Capital e 300 no interior do Estado. O planejamento da Operação Boas Festas foi detalhado pelo comandante da Polícia Militar, coronel Waldir Ribeiro Acosta. “Campo Grande é dividida em sete áreas, e cada região tem um comandante, e esses comandantes já tem as localidades com esse reforço que ele vai receber para estar colocando nas áreas de comércio. No interior do Estado nós teremos o reforço também nas rodovias estaduais com a Polícia Militar Rodoviária Estadual (BPMRv), nos rios que é a Polícia Militar Ambiental (PMA) e cada batalhão com seu planejamento fará o reforço nos corredores de comércio de cada cidade”, detalhou.

O reforço no policiamento ostensivo a pé, montado e motorizado na Capital, irá abranger  região central e as principais vias da cidade, como as ruas: Euclides da Cunha, Avenida Mato Grosso, Júlio de Castilho, Manoel da Costa Lima, Raquel de Queiroz, Marquês de Pombal e Bom Pastor. Também será intensificada a atuação no Camelódromo, Mercadão Municipal, nos shoppings, rede bancária e feiras livres.

Já o comandante do Corpo de Bombeiros Militar (CBMMS), coronel Joílson do Amaral, destacou o papel da corporação nesse período em que há um aumento na demanda. “O Corpo de Bombeiros Militar irá empenhar todo seu efetivo para o reforço das guarnições para atender a demanda que realmente aumenta nesse período. Principalmente os acidentes automobilísticos que tem como causa principal, o excesso de álcool. O CBMMS também atua na parte de prevenção fazendo as vistorias em locais de concentração de público. Também haverá um reforço nas guarnições, com equipe de fiscalização de prontidão, para em caso de necessidade se deslocar para o local e fazer as vistorias”.

O lançamento da Operação Boas Festas contou com a participação do prefeito de Campo Grande, Marquinhos Trad; da coordenadora geral de perícia da Sejusp, Glória Suzuki; delegada Fabiana Nagato; o secretário da Comissão de Segurança Publica da Ordem dos Advogados do Brasil, Ancelmo Marasco; presidente do Conselho Comunitário do Centro da Capital, Eliézer Melo Carvalho; diretor da Câmara de Dirigentes Logistas, Denilson Zubieta; entre outras autoridades civis e militares. 

MS Mais Seguro

Os investimentos do Governo do Estado em Segurança Pública através do programa MS Mais Seguro já totalizam R$ 130 milhões, que possibilitaram a entrega de 750 viaturas, sendo 520 quatro rodas, e 230 motocicletas, além de equipamentos, armas e munições.