30 de setembro de 2020
Campo Grande 40º 23º

SORTE

Matemática e loteria: quais as chances de ficar milionário?

Probabilidade de ficar rico é sempre pequena, mas sorte pode favorecer

No ano passado, a Mega da Virada pagou seu maior prêmio: mais de R$ 300 milhões. O maior prêmio da história significou milhares de pessoas, horas e horas, em Nichos de loterias escolhendo os melhores números e olhando as possibilidades de vitória.

Diferentemente do sorteio da quina, que acontece diariamente, a Mega da Virada só ocorre no dia 31 de dezembro. Ou seja: o resultado da quina é sempre uma atração, mas nada supera a Mega da Virada!

Mas, para ficar milionário, é preciso ter sorte. Acertar a combinação de números só acontece para quem é predestinado. Não há método, cálculo ou estratégia que resolva: de acordo com a matemática, o único jeito de vencer é ter sorte. "Todo sorteio é aleatório e independente do anterior", disse Gilcione Costa, professor do Departamento de Matemática da UFMG (Universidade Federal de Minas Gerais), ao portal UOL.

O fato de números serem sorteados com mais ou menos frequência também tende a ser indiferente, diz o professor. "A longo prazo, os números que são menos sorteados terão que aparecer por uma questão de equilíbrio", afirma Costa. Segundo ele, este equilíbrio se dá quando a diferença na quantidade de vezes em que os números são sorteados tende a ser desprezível. "Isso vai mostrar que o sorteio não é viciado".

Muitas pessoas apostam nos famosos “bolões” para aumentar a chance de vitória. A tática é conhecida: amigos ou familiares se reúnem para aumentarem a quantidade de números jogados. A chance de uma aposta simples, de seis dígitos, vencer a Mega sena é de uma em 50 milhões

A probabilidade de acertar só aumenta se o apostador, em um mesmo concurso, fizer diferentes combinações de números. Assim, um apostador que fizer um jogo de oito números (que custa R$ 98) consegue chegar a 28 combinações de seis dezenas. As chances de acertar a Mega vão para uma em quase 2 milhões. Já melhorou um pouco.

Vale lembrar que, para ser um apostador, é necessário ser maior de 18 anos e pagar o valor do bilhete. Atualmente, uma aposta simples da mega-sena custa R$ 4,50. Já a Quina, que paga valores menores, custa R$ 2.